Por fim de jejum, Mancini espera Atlético 'dos grandes jogos' contra Corinthians

Treinador alertou para a evolução do Corinthians no Brasileirão

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 29 (AFI) - Depois de quatro jogos seguidos sem vitórias, o Atlético-MG quer voltar a triunfar no Campeonato Brasileiro. O técnico Vagner Mancini entende que duelo deste domingo, às 18 horas, contra o Corinthians, em casa, no Independência, é ideal para o time mineiro cravar de vez a sua permanência na Série A. O treinador quer que seu time seja o "Atlético dos grandes jogos".

Mancini lamentou que a equipe não tenha conseguido "liquidar a fatura" nos últimos compromissos, já que venceu apenas um dos últimos oito jogos. Neste período, conquistou três pontos apenas contra o Goiás. Mesmo assim, o treinador considerou que apesar dos resultados ruins, a performance foi boa em alguns momentos.

"A gente já queria resolver isso daí. Achávamos que na sequência de Goiás, Fortaleza e Chapecoense liquidaríamos a fatura. Mas futebol é imprevisível", declarou Mancini em entrevista coletiva nesta sexta-feira. "Dentro de casa, o Atlético tem que repetir jogos como (aqueles contra) Santos, Goiás e Athletico, que, embora tenha perdido, o rendimento foi interessante", pediu o treinador.

Jogo decisivo para Mancini. (Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)
Jogo decisivo para Mancini. (Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)
EVOLUÇÃO DO RIVAL!
O treinador alertou para a evolução do Corinthians e, até por isso, espera que o Atlético-MG tenha dificuldades na tentativa de confirmar sua permanência na elite. O time mineiro, hoje, soma 42 pontos e está na 14ª colocação.

"Jogo muito importante, dificílimo com o Corinthians evoluindo. É um clássico, mas tudo pode acontecer. Espero um jogo duríssimo. Corinthians melhorou bastante após a entrada do Coelho. Mas espero que o Atlético seja o Atlético dos grandes jogos", afirmou.

Com a missão de quebrar o jejum de vitórias e se garantir na elite, o Atlético terá os retornos de Chará e Elias. Mancini não disse se os dois serão titulares, mas a dupla pode ser importante no momento de definir a vitória nos contra-ataques, algo em que o time mineiro vem falhando.