Ricardo Oliveira pede 'postura agressiva' do Atlético-MG contra o Fluminense

O Galo é o atual quarto colocado do Campeonato Brasileiro, com 24 pontos, oito atrás do líder Santos

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 08 - O atacante Ricardo Oliveira afirmou nesta quinta-feira, em entrevista coletiva, que espera por uma "postura agressiva" do Atlético-MG no jogo diante do Fluminense, neste sábado, às 21 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pelo Brasileirão.

"Nossa postura tem que ser agressiva, não pode ser diferente", afirmou o jogador, na Cidade do Galo.

"Dentro do Horto, é o que o nosso torcedor pede, é o que a gente sabe que precisa fazer, colocar essa vontade de pressionar os adversários, que não podem se sentir à vontade para jogar quando nos enfrentam no Horto", reforçou.

QUARTO COLOCADO
O Atlético é o atual quarto colocado do Campeonato Brasileiro, com 24 pontos, oito atrás do líder Santos, e sabe que precisa aproveitar o fator campo para se manter na luta pelas primeiras posições.

E Ricardo Oliveira não se ilude com o fato de o Fluminense hoje ocupar apenas a 16ª colocação, com 12 pontos, e estar logo acima da zona do rebaixamento. Ele espera por um duelo complicado contra o rival.

"É um time que tem praticado um grande futebol. Então, vamos nos preparar da melhor maneira possível para que, no sábado, a gente consiga neutralizar esse time e conseguir mais uma vitória", projetou.

Ricardo Oliveira pede 'postura agressiva' do Atlético-MG contra o Fluminense
Ricardo Oliveira pede 'postura agressiva' do Atlético-MG contra o Fluminense
TREINAMENTO

O time alvinegro treinou na tarde desta quinta na Cidade do Galo e o principal desfalque da atividade foi o volante Jair, que só esteve presente somente no início do treinamento e depois saiu de campo reclamando de dores na coxa.

Assim, ele se tornou dúvida para o duelo diante do Fluminense.

O mesmo passou a valer também para o lateral-esquerdo Fábio Santos, que torceu o tornozelo no treino desta quinta e saiu do gramado mancando um pouco.