Sem Jorginho, Atlético-GO deve repetir time para enfrentar o Vasco

O jogador segue sem definir sua situação junto à diretoria do clube

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 09 (AFI) - Há seis jogos sem vencer no Brasileirão, desde o triunfo por 3 a 0 sobre o Flamengo, o Atlético tenta colocar um fim nesta série negativa no duelo contra o Vasco da Gama, marcado para esta quinta-feira, às 21h, em São Januário. Sem maiores problemas, o técnico Vagner Mancini poderá escalar o mesmo time que empatou com o Grêmio, em Goiânia, por 1 a 1, na última rodada.

O principal desfalque segue sendo o meia Jorginho. O atleta pediu para deixar o clube, mas ainda não apresentou nenhuma proposta que agradasse à diretoria. Incomodado com a atual comissão técnica, o atleta dificilmente voltará à disposição. Clubes, como o Goiás, já demonstraram interesse, mas sem nada concreto.

Atlético-GO está preparado para encarar o Vasco
Atlético-GO está preparado para encarar o Vasco
Por outro lado, Mancini ganhou o reforço do volante Matheus Frizzo, que desfalcou a equipe contra o Grêmio por pertencer ao clube gaúcho. O jogador, no entanto, deverá ficar como opção no banco de reservas.

SITUAÇÃO!
"Estamos em evolução. Fizemos um bom jogo contra o Grêmio. O time foi corajoso, valente, mas o resultado não veio. O Atlético está mais maduro e pronto para o que está por vir. Podemos fazer história aqui. O livro está em nossas mãos e está em branco", falou o treinador.

Com seis pontos conquistados em sete jogos, o Atlético iniciou a rodada na zona de rebaixamento.

ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu, João Victor, Éder e Nicolas; Edson, Marlon Freitas e Chico; Janderson, Renato Kayzer e Gustavo Ferrareis. Técnico: Vagner Mancini.