Série B: Goleiro do Atlético-GO adota discurso humilde sobre acesso: "É cedo ainda"

O Dragão é o vice-líder, com 25 pontos, mas corre o risco de deixar o G4 no complemento da rodada

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 08 (AFI) - A boa campanha realizada pelo Atlético-GO no Campeonato Brasileiro da Série B, apesar da derrota para o CRB, por 1 a 0, em casa, na última terça-feira, não empolga o goleiro Maurício Kozlinski em relação ao possível acesso à elite.

Na vice-liderança, com 25 pontos, o Dragão corre o risco de sair do G4 da Série B no complemento da rodada, mas ainda é apontado como um dos favoritos ao acesso. No ano passado, Kozlinski subiu com o Avaí e por isso sabe que ainda é cedo para falar qualquer coisa.

O goleiro Maurício Kozlinski acredita ser cedo falar em acesso à elite
O goleiro Maurício Kozlinski acredita ser cedo falar em acesso à elite
"É cedo ainda. Nós vemos várias equipes em um bom nível, algumas delas estão oscilando. É cedo colocar qualquer equipe pronta para o acesso e ao título. Nós não podemos só falar, mas temos que mostrar dentro de campo", afirmou o goleiro.

O Atlético-GO volta a campo na próxima terça-feira, quando recebe o Oeste, às 19h15, no Antônio Accioly, em Goiânia, pela 16ª rodada. O técnico Wagner Lopes vai precisar quebrar a cabeça para definir os substitutos dos suspensos Moacir e Jorginho.

VAI SECAR?

Para não deixar os quatro primeiros colocados, o Atlético-GO precisa torcer por tropeços de dois dos quatro times que estão com 23 pontos e ainda entram em campo: Botafogo-SP, Coritiba, Paraná e Sport.