Após queda na Série D, Organizada do América-RN tenta invadir vestiário do time

Primeiro, torcedores da TMV tentaram roubar uma faixa do Jacuipense, e depois, como não conseguiram entrar, atiraram itens pela janela

por Agência Futebol Interior

Confusão começou no gramado. (Foto: Reprodução)
Confusão começou no gramado. (Foto: Reprodução)

Riachão do Jacuípe, BA, 07 (AFI) - Os minutos seguintes a eliminação do América-RN na Série D do Campeonato Brasileiro para o Jacuipense foi de muita confusão e medo para jogadores e comissão técnica do clube, bem como para o jornalista Dionísio Outeda, de Natal, que estava no estádio em Riachão do Jacuípe para cobrir a partida.

O Alvirrubro começou o torneio como um dos maiores favoritos ao acesso. O erro na estruturação do futebol americano foi a demissão do executivo de futebol, Almir Dionísio, às vésperas do início da competição.

Ele foi o principal responsável pela montagem do time que venceu o Campeonato Potiguar em 2019. Dessa forma, a eliminação pegou mal para os torcedores do time que estavam no estádio Eliel Martins, o que não justifica os atos.

Assim que o árbitro apitou o final de jogo com a vitória do time da casa por 1 a 0, decretando assim vaga da equipe para as quartas de finais, a torcida organizada TMV (Torcida Máfia Vermelha) do América-RN invadiu o gramado para roubar uma faixa dos torcedores adversários.

Segundo relatos no Twitter, começou um corre-corre e confronto entre os membros das organizadas.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Porém, a confusão não parou por aí. Os torcedores do América-RN tentaram invadir o vestiário do time. Como não conseguiram, passaram a jogar objetos pela janela.

Os relatos são do jornalista Dionísio Outeda, da rádio 98FM de Natal, que esperava a coletiva do técnico Moacir Franco.

Espaço incorporado por HTML (embed)