Mineiro: Após queda, América-MG renova contrato do técnico Givanildo Oliveira

A maior meta do experiente treinador, de 70 anos, à frente do clube mineiro será o retorno à Série A

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 05 - Rebaixado para a Série B na última rodada do Brasileirão, o América Mineiro renovou o contrato do técnico Givanildo Oliveira nesta quarta-feira. Anunciado para comandar o clube na reta final da competição, no dia 11 de novembro, Givanildo assinou novo vínculo até o fim do próximo ano.

A maior meta do experiente treinador, de 70 anos, à frente do clube mineiro será o retorno à Série A. Mas Givanildo já avisa que pretende levar o América longe nas demais competições. "Inicialmente, precisamos buscar ganhar o Estadual, que é o primeiro campeonato do ano. Depois, passamos para a etapa do Brasileiro em busca do acesso. Mas temos o estadual e a Copa do Brasil. Vamos focar primeiro nessas competições", afirmou.

O treinador pretende dar sequência ao trabalho realizado ainda de forma inicial no fim do Brasileirão. No comando do América, ele esteve em apenas cinco jogos, o que não foi o suficiente para evitar o rebaixamento.

"O sentimento é de iniciar uma história diferente. Tivemos apenas cinco jogos nesse retorno, vinte dias de convivência", comentou Givanildo. "Agora é realmente o sentimento de assumir, com muita satisfação por mais um ano de trabalho no América. Já começamos a reformulação do grupo e uma série de coisas que teremos que fazer no começo do próximo ano."

O treinador avaliou como positiva sua breve passagem pelo clube neste fim da temporada e já projetou 2019. "Conseguimos, até pela necessidade, jogar de forma ofensiva e com uma condição boa de atacar e também marcar. Para o próximo ano, espero que sejamos um time ofensivo. É difícil confirmar, porque o futebol é muito complicado. Depende do grupo que se formar, das situações de jogo e dos adversários. Vamos procurar fazer o melhor."

Givanildo está em sua quinta passagem pelo time mineiro. Ele tem em seu currículo no América os títulos da Série B de 1997, da Série C de 2009 e do Campeonato Mineiro de 2016. No mesmo ano, ajudou a levar o time novamente à primeira divisão.

Se chegar até o fim do seu contrato, Givanildo deve se tornar o treinador com mais jogos na história do América. Ele soma no momento 240 partidas - com 116 vitórias, 63 empates e 61 derrotas. O atual recordista é Dorival Knipel, mais conhecido pelo apelido de Yustrich com 278 jogos.

 
 
" />