Após empate, América-MG se reapresenta focado em voltar a subir na tabela

O atacante Luan e o lateral Aderlan deram entrevista coletiva, onde falaram sobre o atual momento do Coelho

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 17 (AFI) - Após conquistar o primeiro ponto fora de casa, o América-MG se reapresentou na tarde desta quarta-feira no CT Lanna Drumond. O Coelho começa a preparação para enfrentar o Botafogo-RJ, neste domingo, às 16h, no Independência, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Alguns dos atletas que atuaram os noventa minutos contra o Ceará-CE fizeram somente atividades regenerativas. Paralelamente, os demais jogadores foram para a academia, onde realizaram atividades físicas. Depois, em campo, fizeram exercícios de prevenção, sob os olhares atentos dos preparadores físicos Edy Carlos e Gerson Rocha.

Equipe americana terá poucos dias de preparação para próximo confronto (Foto: Mourão Panda / América)
Equipe americana terá poucos dias de preparação para próximo confronto (Foto: Mourão Panda / América)
Quando a bola rolou, os atletas foram divididos em três times diferentes e fizeram um treino focado em troca de passes e movimentação. Por fim, Enderson Moreira comandou uma atividade de ataque contra defesa.

O zagueiro Rafael Lima, com uma entorse grau 2 no tornozelo direito, Christian, com um edema na coxa direita, e Lima, que operou recentemente o joelho direito, fizeram tratamento no Departamento Médico do Clube. O América volta a treinar na tarde desta quinta-feira, a partir das 15h, no CT Lanna Drumond.

Após o treinamento dessa quarta-feira, o atacante Luan e o lateral Aderlan deram entrevista coletiva, onde falaram sobre o atual momento do Coelho e as projeções para as próximas rodadas.

CONFIRA AS ENTREVISTA ABAIXO:

COLETIVA LUAN
Empate com gosto de derrota?

Ficou bastante. Depois do jogo, ficamos bastante chateados, pois sabíamos que demos o nosso melhor dentro de campo e, por um detalhe, não conseguimos trazer os três pontos.

Queda de rendimento no segundo tempo?
Penso que foi circunstância de jogo mesmo. O time adversário voltou com um posicionamento mais ofensivo. Nós sentimos um pouco no começo, mas logo conseguimos segurar mais a bola. Infelizmente, porém, não conseguimos segurar o resultado.

Atuação contra o Ceará foi melhor que nos jogos anteriores fora de casa?
O primeiro tempo foi bastante positivo. Conseguimos segurar bem e tocar bem a bola. Saímos na frente do placar. Foi, sim, um dos nossos melhores momentos no campeonato. Agora, é continuar nessa pegada e treinar bastante para conseguirmos fazer uma bela competição.

Lição do Ceará que pode ser aplicada no jogo contra o Botafogo
Não podemos errar nenhum detalhe. Se depender da gente, conseguiremos o resultado positivo. Mas um detalhe mudou tudo contra o Ceará. Ficou nítido isso nesse jogo. Infelizmente, não conseguimos trazer mais dois pontos. Porém, vamos continuar trabalhando para não dar o mole de sair na frente e permitir o empate.

Como encarar o Botafogo?
Tenho certeza que vai ser um jogo muito difícil e muito chato. Já trabalhei com o Valentim e sei a forma com que ele trabalha e o jeito como ele conduz o time. Então, será bem difícil.

Alberto Valentim
O jeito dele de treinar a equipe é parecido com o estilo do Enderson. Ele gosta que trabalhe bastante a bola. É um cara positivo, que está sempre incentivando. Quando se olha para o campo, ele está ali correndo junto com o jogador. Então, isso motiva um pouco mais o jogador dentro de campo. Portanto, tenho certeza de que teremos uma missão difícil no domingo.

Dois jogos seguidos em casa
O Enderson passa bastante para a gente o recado que não podemos perder. Se não conseguirmos vencer, somar ponto com o empate ao menos. O Brasileiro da Série A é um campeonato muito difícil. Não há jogo fácil fora de casa e nem em casa. Temos que manter a calma e colocar em prática o que o Enderson está nos passando para sairmos de campo com o resultado positivo nesses dois jogos.

COLETIVA ADERLAN
Afirmação como titular

Penso que independentemente de quem jogue na posição, tanto eu quanto Norberto ou outro que venha a atuar, o intuito é ajudar o América. Sabemos do projeto que o Clube tem. Acho que minha titularidade, hoje, se resume ao que eu venho fazendo nos treinamentos. A cada dia, dou o meu melhor, procuro aprender sempre mais, pergunto algumas coisas e me esforço bastante. Esse trabalho que tenho feito, felizmente, tem se refletido em campo.

Entrosamento com Marquinhos
Acho que quem joga ali do lado direito, não vê tanta diferença por causa do sistema de jogo do time. O Enderson reveza bastante nos treinamentos, e acho isso importante. Temos um grupo de jogadores de muita qualidade. Tanto os atletas que jogam na primeira linha quanto na segunda linha ajudam bastante nesse entrosamento. Seja o Marquinhos, eu ou o Norberto, o importante é, quem entrar em campo, ajudar o Clube.

Como se portar contra o Botafogo
Nosso time tem um jeito de jogar, seja em casa ou fora. Às vezes, não dá certo. Mas a gente procura não alterar nossa maneira. Gostamos de ficar com a bola e propor o jogo. No domingo, não pode ser diferente diante do Botafogo. Devemos respeitar a equipe deles, porque sabemos da qualidade dos jogadores que vamos enfrentar. Mas o nosso time tem que impor o jogo, como vínhamos fazendo nos jogos anteriores

Autoavaliação dos jogos como titular
Acho que estou indo bem. Estou me esforçando bastante, porque sabemos do nível de dificuldade da Série A. É um nível diferente, e precisamos nos adaptar rapidamente a vários tipos de jogadores. Alguns se destacam pela qualidade, outros pela força, outros tem habilidade e força também. Temos de estar muito concentrados, pois é uma competição de nível alto.

Ponto contra o Ceará tem que ser comemorado?
Acho que não devemos menosprezar o ponto que conseguimos fora de casa. Sabemos que era um adversário com jogadores de qualidade, além de ter sido uma partida muito dura. Quem esteve lá ou assistiu ao jogo, viu como nós nos portamos em campo. Foi um jogo bem desgastante para o nosso time, mas todos cumpriram sua função. Temos que pensar que não perdemos dois pontos, mas tiramos dois pontos de um adversário direto.

Dois jogos em casa
Primeiramente, temos que pensar no Botafogo. A gente procura focar sempre no jogo a jogo. Precisamos traçar um plano de jogo para domingo. O Enderson já está pensando nesse sentido. Nós não podemos jogar contra o São Paulo sem antes enfrentar o Botafogo. Será muito importante conseguir um bom resultado em casa. Na sequência, vamos pensar na próxima partida.