Água Santa encara o Palmeiras com degola e classificação em mente

O time de Toninho Cecílio é o primeiro fora da zona de rebaixamento, mas está também na zona de classificação

por Agência Futebol Interior

Diadema, SP, 24 (AFI) – O Água Santa vive situação curiosa na última rodada do Campeonato Paulista. A equipe de Toninho Cecílio briga contra o rebaixamento, mas está na zona de classificação para as quartas de final.

Isso acontece porque as três piores campanhas no geral são de times do Grupo A: Água Santa, com onze pontos, Ponte Preta e Oeste, ambos com dez.

Todo esse contexto deixa o jogo contra o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo, ainda mais importante para a equipe de Diadema.

“O Palmeiras é um time mais encorpado tecnicamente, com um elenco mais vasto e de qualidade. Vai nos proporcionar uma dificuldade enorme. Eu, como comandante, preciso ter inteligência e calma para encontrar a melhor forma de jogar no Allianz”, explicou Toninho Cecílio.

O treinador não deu pistas do time que deve mandar a campo, a a tendência é que não haja grandes alterações em relação ao time que empatou por 0 a 0 com o Mirassol na última quinta-feira.

O provável Água Santa é formado por: Giovanni; Luis Ricardo, João Paulo, Bruno Costa e Peri; João Vitor, Fabrício e Luan Dias; Dadá, Lucas Silva (Tadeu) e Caio Dantas.