Ex-Santos e Palmeiras, Marcos Assunção vai trabalhar em time do Paulistão

Ex-meio-campista foi anunciado como novo executivo de futebol do Água Santa

por Agência Futebol Interior

Diadema, SP, 05 (AFI) - Mais de três anos depois de se aposentar nos gramados, Marcos Assunção está de volta a um clube de futebol, mas agora para exercer outra função. Aos 43 anos, o ex-meio-campista foi anunciado como novo executivo de futebol do Água Santa, clube que disputará a elite do Paulistão em 2020.

“Assumo a direção e fiquei muito feliz com essa oportunidade. Estudei e me capacitei para exercer essa função, farei o possível para que tenhamos uma longa trajetória. Agradeço ao presidente por optar por meu nome e já começo a trabalhar visando o Paulista”, disse Assunção.

Marcos Assunção (ao centro) é novo diretor executivo de futebol do Netuno. (Foto: Michel Sanches / EC Água Santa)
Marcos Assunção (ao centro) é novo diretor executivo de futebol do Netuno. (Foto: Michel Sanches / EC Água Santa)

Desde que se aposentou dos gramados, o ex-jogador vinha se preparando para o exercício de um cargo diretivo. Além de ter feito cursos oferecidos pela CBF, ele ainda passou alguns dias acompanhando o trabalho da diretoria do Bétis, time espanhol no qual foi ídolo nos anos 2000.

No Brasil, Marcos Assunção teve passagem marcante pelo Palmeiras, perto do final da carreira, além de já ter defendido Santos, Flamengo, Figueirense, Criciúma, Portuguesa e Sampaio Corrêa. Também já vestiu as camisas de Roma, Al Ahli-UAE e Al-Shabab.

TERCEIRO ACESSO
O Água Santa terminou a disputa da Série A2 da atual temporada em terceiro lugar. Apesar de regulamento determinar que apenas dois times sobem, o time de Diadema irá disputar a Série A1. Isso graças a parceria firmada entre Bragantino e Red Bull Brasil, já que os dois times disputavam a elite, e um deles, no caso o RB, teve que ser rebaixado à A2. A situação abriu uma vaga a mais na divisão principal e o Netuno ficou com o acesso.