Copa Paulista: Água Santa dispensa técnico e deve reformular elenco

Márcio Ribeiro foi o responsável por montar o plantel que acabou a primeira fase do Paulista da Série A2 com 31 pontos em 15 rodadas

por Agência Futebol Interior

Diadema, SP, 30 (AFI) - Márcio Ribeiro não será o treinador do Água Santa no segundo semestre da temporada, quando haverá a disputa da Copa Paulista. Os demais integrantes da comissão técnica e os atletas que ainda estavam no elenco também não devem permanecer, já que a diretoria optou por uma grande reformulação.

O comandante foi o responsável por montar o plantel que acabou a primeira fase do Campeonato Paulista da Série A2 na liderança isolada ao somar 31 pontos em 15 rodadas. Nas quartas de final, o Netuno atropelou o Taubaté, vencendo as duas partidas e fazendo 7 a 0 no placar agregado.

Na semifinal, o time diademense teve um desempenho ruim na partida de ida e acabou perdendo por 2 a 0 para o Santo André por 2 a 0. Na volta, a equipe até conseguiu vencer por 3 a 2, mas acabou desclassificada.

O acesso ao Paulistão 2020, porém, ainda pode acontecer, dependendo dos desdobramentos da fusão entre Red Bull Brasil e Bragantino que resultou no Red Bull Bragantino. A definição sobre isso, porém, acontecerá apenas no Conselho Arbitral, em setembro ou outubro.

MAIOR TÉCNICO DA HISTÓRIA
O Água Santa teve uma arrancada meteórica dentro do cenário estadual. Na Segundona de 2013, o Netuno, um dos grandes clubes de várzea de Diadema, iniciou a caminhada profissional com acesso logo na primeira temporada.

Márcio Ribeiro deixou o Água Santa
Márcio Ribeiro deixou o Água Santa

Outras duas ascensões vieram nos anos seguintes. Assim, em 2016, o clube do ABC já estava no Paulistão. O detalhe é que o treinador nas três conquistas foi Márcio Ribeiro.

CONHECE O INTERIOR
Márcio Ribeiro iniciou a carreira de treinador no Taubaté. Depois, acumulou passagens por times do estado de São Paulo, como XV de Piracicaba, Barretos, Palestra-, Ferroviária, Guaratinguetá, Botafogo-SP, Bandeirante, União São João, Taguatinga, Catanduvense, Comercial, América, Rio Preto, Portuguesa e Francana. Também treinou Goianésia-GO, Goiatuba-GO, URT-MG e CSA-AL.

COPA PAULISTA
A Copa Paulista é utilizada para os clubes como atalho para os torneios nacionais, já que oferece uma vaga à Copa do Brasil e outra à Série D do Campeonato Brasileiro. O Água Santa está no Grupo 4, ao lado de Ponte Preta, São Caetano, Santo André, EC São Bernardo e Grêmio Osasco. Os quatro melhores avançam à próxima etapa.