Luto! Ex-goleiro do Independência-AC morre por covid-19 e corpo é enterrado errado

Para piorar a situação, o filho do ex-goleiro, Jean Roberto, afirmou que o corpo de Raimundo foi enterrado no lugar de outra pessoa

por Agência Futebol Interior

Rio Branco, AC, 13 (AFI) - Raimundo Mendes de Oliveira, goleiro do Independência, do Acre, nos anos de 1960 e 1970, morreu na terça-feira, vítima do novo coronavírus. Mais conhecido como Humberto Sapateiro, ele tinha 78 anos e foi a primeira morte por covid-19 no Acre.

Raimundo estava cumprindo o isolamento social, mas sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) nesse período e precisou ser internado. Quando retornou para sua casa, os sintomas da covid-19 começaram a aparecer e, por isso, a suspeita é de que ele tenha sido contaminado no hospital.

CORPO É ENTERRADO NO LUGAR DE OUTRO

Para piorar a já triste situação, o filho do ex-goleiro, Jean Roberto, afirmou que o corpo de Raimundo foi enterrado no lugar de outra pessoa. Um Boletim de Ocorrência foi registrado para averiguar o caso e Jean Roberto garantiu que irá até "às últimas consequências para que isso não torne a se repetir”

Com isso, os familiares de Humberto Sapateiro não puderam se despedir. Eles esperavam acompanhar o enterro de longe, pois o protocolo de segurança não permite velório ou o agrupamento de muitas pessoas por conta do novo coronavírus.

Humberto Sapateiro, de preto
Humberto Sapateiro, de preto
EXPLICAÇÃO

Dona da funerária São Francisco, responsável pela coleta de corpos naquele momento, Sônia Aparecido afirmou ao jornal AC 24 horas que o erro foi da funerária Morada da Paz. A família de Humberto Sapateiro também afirmou que o corpo continuará enterrado no lugar em que está, no Cemitério Morada da Paz.

“Quando o protocolo é morte por Covid-19, a funerária só pega o corpo na hora combinada pelo PS direto para o cemitério. Quando nossa equipe chegou na hora combinada o corpo não estava. Entramos em contato com a família, esperamos no local e falamos com a UTI do PS, que garantiu que o corpo já tinha descido. Com isso, nós ligamos para a funerária que estava de plantão e para a nossa surpresa eles pegaram e enterraram o corpo errado", explicou.