Série C: Marcelo Vilar garante que ASA não vai mudar forma de jogar

O time alagoano não ganha há dois jogos e entrou na zona de rebaixamento do Grupo B

por Agência Futebol Interior

Arapiraca, AL, 17 (AFI) - Os dois empates seguidos e os resultados da última rodada colocaram o ASA novamente na zona de rebaixamento do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C. Mesmo assim, o técnico Marcelo Vilar avisou que não vai mudar a forma do time jogar.

"O empate veio mais uma vez e os resultados da última rodada não nos ajudaram. Mas é preciso dar sequência a essa forma de jogar, caso contrário vamos ter que começar tudo do zero justamente em uma fase que o campeonato começa a afunilar", disse o treinador.

O técnico Marcelo Vilar disse que o ASA não vai mudar sua forma de jogar
O técnico Marcelo Vilar disse que o ASA não vai mudar sua forma de jogar
E Marcelo Vilar tem razão, pelo menos quando diz que "o campeonato começa a afunilar". No último final de semana, aconteceu a primeira rodada do returno. Ou seja, o ASA tem mais oito jogos para definir seu futuro: ser rebaixado para a Série D, seguir na Série C ou se classificar às quartas de final.

O alento para o time alagoano é que o Grupo A está bem embolado. Na penúltima colocação, o ASA tem os mesmos 11 pontos do Moto Club, primeiro time fora da zona de rebaixamento, e está a três do G4.

Na próxima segunda-feira, o ASA busca a reabilitação diante do Remo, às 21 horas, no Mangueirão, pela 11ª rodada. A expectativa do técnico Marcelo Vilar é que o atacante Leandro Kível seja liberado pelo departamento médico. Caso contrário, Viola será titular.