LUTO: Referência nacional, historiador cearense morre aos 92 anos

Ele escreveu oito livros sobre a Seleção Brasileira e montou em sua própria casa um Museu sobre o futebol Cearense e do Brasil

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 5 (AFI) - A Imprensa cearense, certamente, nacional, está de luto pela perda do historiador Airton Fontenele. Ele morreu nesta segunda-feira aos 92 anos, conhecido como um especialista em curiosidades e fatos tanto do futebol cearense como da seleção brasileira.

O seu corpo está sendo velado na Funerária Eternus, na Aldeota, e o sepultamento será terça-feira, no cemitério Parque da Paz. Ele sofreu complicações em uma cirurgia e não resistiu, deixando três filhos e netos.

REFERÊNCIA NACIONAL

Fontenele escreveu 8 livros sobre a Seleção Brasileira
Fontenele escreveu 8 livros sobre a Seleção Brasileira


Fontenele era considerado uma das maiores referências em pesquisa sobre a Seleção Brasileira.

Airton Fontenele nasceu em Viçosa do Ceará, embora fosse bancário de profissão ele se notabilizou por ser uma das principais fontes da imprensa esportiva a respeito de dados e curiosidades da história do futebol cearense e da Seleção Brasileira.

OITO LIVROS E MUSEU
Ao longo da vida ele escreveu 8 livros sobre a Seleção Canarinho, a partir de registros sobre jogos e campanhas históricas que fazia desde 1938, portanto, desde a segunda Copa do Mundo.

Por empenho próprio, ele montou na sua casa um museu da memória do futebol cearense e nacional, que serve de referência para muitos pesquisadores.