Por nova oportunidade no mercado, Júlio César Farias projeta temporada 2020

Profissional de 40 anos iniciou carreira no Primavera, de Indaiatuba, após pendurar as chuteiras

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 19 (AFI) - Símbolo de experiência, Júlio César Farias aposta na movimentação intensa no mercado de treinadores para buscar realocação de olho na temporada 2020.

O profissional de 40 anos, depois de receber algumas sondagens, estuda a melhor alternativa para dar sequência à carreira fora dos gramados.

Júlio César mira realocação no mercado para temporada 2020
Júlio César mira realocação no mercado para temporada 2020

O gaúcho de Uruguaiana é um dos nomes que conseguem aliar conhecimento prático, graças ao período como jogador, com a teoria, embasado nos cursos concluídos depois de pendurar as chuteiras.

Farias concluiu, em setembro de 2018, o estudo da Licença B / Nível 2 da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Além disso, fez curso de periodização de treinamento e estudou princípios para estudar futebol em instituições reconhecidas nacionalmente.

"Surgiram algumas oportunidades, mas infelizmente as negociações não prosseguiram. Enquanto sigo livre no mercado, estou me aperfeiçoando profissional para que, quando surgir nova oportunidade, possa mostrar meu serviço. A expectativa é muitas portas possam se abrir neste final de ano, já de olho nos campeonatos estaduais de 2020", comentou.

EM CAMPO

Júlio César coleciona passagens por vários clubes do futebol brasileiro e fez história no interior paulista.

Dentro das quatro linhas, vestiu a camisa de Paulista, Primavera, Matonense, São Bento, Atlético Sorocaba, Bragantino, Ponte Preta, Marília, São Caetano, Paraná, Sport e Brasiliense.

Graças à rodagem de norte a sul do país, pôde trabalhar com treinadores de respeito, dentro os quais cita-se: Marcelo Veiga, Roberto Fonseca, Pintado, Nelsinho Batista, Vadão, Gersinho, Givanildo Oliveira, Caio Júnior, entre outros.

Júlio César foi campeão pernambucano pelo Sport em 2010
Júlio César foi campeão pernambucano pelo Sport em 2010

Entre os títulos principais estão: Campeonato Paulista Série B1 de 2001 (Primavera), Campeonato Candango de 2009 (Brasiliense) e Campeonato Pernambucano de 2010 (Sport Recife), além de acessos por São Bento e Capivariano.

FORA DE CAMPO

O técnico, embora jovem, iniciou carreira fora das quatro linhas nas categorias de base do Primavera. Pelo clube de Indaiatuba, começou como auxiliar, até ser promovido - trabalhou no sub 13, 17 e 20, entre Campeonato Paulista, Copa Japão Brasil e Copa SP de Futebol Júnior.

No clube paulista, inclusive, Farias foi o responsável por descobrir Jonas Toró, atualmente no São Paulo - na época, o atacante se destacou na Copinha e, a partir de então, alçou voos maiores, até desembarcar no Morumbi.