Técnico da Seleção Feminina fala sobre planos para a temporada

Vadão falou com exclusividade ao Portal Futebol Interior e explicou o que pretende para a temporada 2018

por Agência Futebol Interior

Teresópolis, RJ, 11 (AFI) - O técnico Osvaldo Alvarez, o Vadão, esteve na manhã desta quarta-feira, 11, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), para acompanhar os jogos de abertura do 1º Torneio de Desenvolvimento de Futebol nas categorias de base. Além de ter a supervisão da CBF, a competição vale também pela Conmebol. São jogos entre equipes que disputam as categorias Sub 14 e Sub 16 no feminino e Sub 13 no masculino. Para Vadão o que interessou foi o feminino e ele falou que a iniciativa é válida para se avaliar atletas que não estão na vitrine normal dos campeonatos nacionais.

“No futebol feminino não temos muitos recursos para analisar atletas de regiões mais distantes do País e esses torneios nos dá oportunidade de ver crianças de 12 pra cima. Hoje estamos vendo do Sub 14 e que serão o futuro da seleção brasileira. Então eu acho muito bom e legal por parte da BF de concentrar aqui (Granja Comary) onde a gente tem um acesso mais fácil e possa analisar bastante”, explicou.

Vadão falou também sobre outros assuntos, entre eles sobre o nível de quem está disputando a competição e sobre a possibilidade de visibilidade. Além disso, não fugiu de um assunto polêmico, que foi sua volta ao comando e sobre comentários paralelos sobre isso. Ele explicou que não precisa se preocupar com isso, afinal tem sua história no futebol e tem que fazer seu trabalho apenas.

“Eu tenho uma carreira de 25 anos no futebol e ela responde por mim, não preciso falar nada. Fui convidado para retornar ao comando da seleção pelo presidente confiar no meu trabalho. Nossa preocupação neste momento é focar em nossas atletas e fazer um bom torneio na China e ficar em cima das categorias de base porque nossa reposição é muito lenta. Quando tem um Torneio assim que a gente possa ver, nosso pessoal da base também está assistindo, aí fica melhor para descobrirmos novos valores que podem aparecer na seleção principal lá na frente”, falou o treinador.

Vadão esteve na Granja Comary e acompanhou jogos das categorias Sub 14 e Sub 16 de futebol feminino - Divulgação MS Saad
Vadão esteve na Granja Comary e acompanhou jogos das categorias Sub 14 e Sub 16 de futebol feminino