Empate nas Eliminatórias mantém seleção de brasileiro na briga por vaga

A Seleção de Guiana entra em campo nesta terça-feira (30), para enfrentar a Seleção de Bahamas

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 29 (AFI) - A segunda rodada das Eliminatórias da Concacaf no Grupo F teve abertura no último sábado (27), com goleada da Seleção de São Cristóvão e Nevis por 4 a 0 diante da Seleção de Bahamas. No domingo, empate em 1 a 1 entre as Seleções de Porto Rico e Trinidad e Tobago.

ESPERANÇA

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Com o empate entre Trinidade e Tobago e Porto Rico, a Seleção de Guiana, do técnico brasileiro Márcio Máximo, entra novamente na briga por uma classificação, já que havia estreado com uma derrota para Trinidad e terá nesta terça-feira a oportunidade de conquistar sua primeira vitória, o que deixaria o Grupo F embolado.

"Esse empate nos colocou novamente na briga em busca de uma classificação. Teremos mais três jogos pela frente em que todos serão uma final para nós, já começando pela partida diante da Seleção de Bahamas, que também iniciou com uma derrota", disse o treinador.

VOLTA POR CIMA?

A Seleção de Guiana estreou com uma derrota para o favorito Trinidad e Tobago, em que erros foram fundamentais para levar três gols do seu adversário. Após o jogo, o técnico Márcio Maximo teve uma longa conversa com seu elenco, que é composto por jovens atletas e alguns jogadores que atuam na Europa, com o objetivo de tirar mais da sua equipe, que ele sabe que poder realizar um grande jogo diante do Bahamas.

"Foi um jogo para esquecer, mas que temos que tirar lições o quanto um erro pode ser determinante no final da partida, mas eles sabem da importância do jogo de amanhã e temos com objetivo conquistar um grande resultado para que depois possamos ter mais tempo para trabalhar e pensar nas duas últimas partidas, que serão realizadas no mês de junho diante de São Cristóvão e Porto Rico", disse o técnico Márcio Máximo.

PRÓXIMO DESAFIO

A Seleção de Guiana entra em campo nesta terça-feira (30), no Estádio Olímpico Félix Sánchez, na cidade de Santo Domingo, na República Dominicana, para enfrentar a Seleção de Bahamas, em jogo válido pela segunda rodada do Grupo F das Eliminatórias da Concacaf.