Árbitro é condenado a prisão por marcar pênalti bizarro

O sérvio Srdjan Obradovic foi condenado a 15 meses por abuso de poder

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 31 (AFI) - Um pênalti bizarro assinalado em 2018 no jogo entre Spartak Subotica e Radnicki Nis fez o árbitro sérvio Srdjan Obradovic ser condenado a 15 meses de prisão.

De acordo com a agência de notícias sérvia Tanjug, a Câmara Anticorrupção do Tribunal Superior de Novi Sad condenou o árbitro por abuso do poder. Obradovic ainda pode recorrer da decisão.

O árbitro sérvio Srdjan Obradovic foi punido com 15 meses de prisão
O árbitro sérvio Srdjan Obradovic foi punido com 15 meses de prisão

Não bastasse a condenação de 15 meses, o árbitro ainda foi proibido de exercer qualquer função na Federação Nacional de Futebol em um período de dez anos.

A partida toda em si foi muito estranha. O Spartak Subotica ganhou por 2 a 0 com dois gols de pênalti. Além disso, o Radnicki Nis teve um jogador expulso.

COPA DO NORDESTE: Veja escorregão de Thiago Neves.