Campeão do mundo pela Espanha é acusado de assédio por ex-estagiária

Ela teria sido apalpada, ridicularizada e até empurrada por Villa que nega tudo

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 23 (AFI) - David Villa nega, mas uma ex-estagiária do New York City, clube da Major League Soccer (MLS), acusa do jogador de assédio. Identificada como "Skyler B", ela foi às redes sociais para falar sobre o suposto assédio.

"Eu pensei que estava tendo a oportunidade da minha vida quando consegui o estágio. O que eu tive foi David Villa me tocando todos os dias e meus chefes achando engraçado. Mulheres corajosas o suficiente para contar suas histórias em público são minhas heroínas. Algum dia", escreveu ela.

Acusações graves. (Foto: Divulgação)
Acusações graves. (Foto: Divulgação)
VERSÕES!

David Villa, que atuou pelo Barcelona - onde foi campeão da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes, entre outros - e foi campeão da Eurocopa de 2008 e da Copa do Mundo pela Espanha em 2010, esteve nos EUA entre 2014 e 2018.

A então estagiária esteve no New York City em 2018 e, segundo o Yahoo Sports, ela teria sido apalpada, ridicularizada e até empurrada por Villa. Ele, porém, nega as acusações.

"É difícil entender por que isso não foi levantado anteriormente, se alguém se sentiu desconfortável em algum momento. À mídia e ao público que respeitem meu direito à presunção de inocência", escreveu o jogador.