Time russo terá de pagar multa milionária por insultos racista a ex-Corinthians

O atacante brasileiro foi o grande destaque da vitória por 4 a 0 no último sábado, quando foi alvo de insultos da torcida adversária

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 23 (AFI) – O CSKA Moscou, da Rússia, terá de pagar uma multa de cerca de 7,5 milhões de reais por conta de ofensas racistas da torcida contra o atacante Malcom, ex-jogador do Corinthians.

O brasileiro defende atualmente o Zenit e foi insultado por torcedores na vitória por 4 a 0 sobre o adversário no último sábado, quando marcou dois gols.

Na Rússia, as partidas já estão acontecendo com presença de público, mas apenas com 10% da ocupação total do estádio.

Após o jogo, as ofensas racistas foram denunciadas à Federação Russa de Futebol, que levou o caso a julgamento. Após 23 rodadas, o Zenit lidera a competição com 53 pontos, nove a mais do que o Lokomotiv Moscou. O CSKA é apenas o quinto com 36.