Luto! Morre primeiro jogador em atividade do novo coronavírus

Seu tio e treinador também veio a falecer da doença, assim como seu pai, dirigente

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 28 (AFI) - A semana foi dolorosa no futebol e com muitas perdas. Além do adeus de Vadão, ex-técnico de São Paulo, Corinthians e seleção brasileira feminina, o esporte se despediu de um jogador e um técnico por conta do novo coronavírus, ambos com passagem pelo Deportivo Perequije, da Bolívia.

Deibert Román Guzmán era jogador do Deportivo e lutava com a doença já há algum tempo, mas acabou não resistindo e falecendo. Sendo assim, o primeiro atleta em atividade a morrer de COVID-19. Seu tio e técnico, Luis Carmelo Román também veio a falecer, assim como o pai do atleta, que é dirigente, Belizário Román.

Deibert Román Guzmán  é o primeiro atleta a morrer de COVID-19
Deibert Román Guzmán é o primeiro atleta a morrer de COVID-19
Frans Román Guzmán é o primeiro atleta a morrer de COVID-19

EM NOTA
A Federação Beniana de Futebol, afiliada da Confederação Boliviana de Futebol, lamentou a perda. Em comunicado, disse: "Essa doença levou a vida de esportistas conhecidos. É lamentável ter que dar esse tipo de informação. Estamos desolados por tudo o que está acontecendo no país e no mundo, tudo por causa de um vírus que tirou muitas vidas".