Na Espanha, Garay e mais quatro do Valencia são diagnosticados com coronavírus

O Valencia foi o primeiro time da primeira divisão da Espanha a confirmar casos de atletas infectados

por Agência Estado

Campinas, SP, 15 (AFI) - O Valencia é o primeiro clube da principal divisão do futebol espanhol a ter de lidar com casos de coronavírus. Na manhã deste domingo, a agremiação comunicou, sem especificar os nomes, que há cinco infectados pela doença em seu time principal, entre jogadores e membros da comissão técnica.

"Todos se encontram em suas casas em bom estado de saúde e tomando as medidas de isolamento", informou o Valencia, por meio de um comunicado divulgado em seu site oficial.

APOIO TOTAL
O clube também afirmou reiterar seu apoio às autoridades de saúde na campanha de conscientização social para que toda a população fique em casa e continue com todas as medidas de higiene e prevenção.

Jogadores do Valladollid estão co o coronavírus
Jogadores do Valladollid estão co o coronavírus

OUTRO INFECTADO
Apesar de o Valência não divulgar o nome dos infectados pela Covid-19, sabe-se que um deles é o zagueiro argentino Ezequiel Garay, de 33 anos, já que, mais cedo, ele mesmo divulgou em suas redes sociais que havia testado positivo para o novo coronavírus.

"O 2020 começou mal para mim. Deu positivo para o coronavírus, estou bem e agora só resta seguir as autoridades sanitárias, ficar isolado por enquanto", escreveu o jogador.

A Espanha é o segundo país da Europa mais castigado pelo vírus, com mais de 5,7 mil infectados, atrás apenas da Itália. Com mais de 1,5 mil novos casos em um dia, o governo espanhol impôs, a partir deste sábado, confinamento quase total para seus 46 milhões de cidadãos.