Futebol na Nicarágua não para e time joga partida de máscara contra o coronavírus

Um dos jogadores do Diariengén, equipe que é líder nacional, o uruguaio Bernardo Laurencio falou sobre como é jogar 'mascarado'

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 25 (AFI) - Apesar do futebol ter parado totalmente no Brasil e em boa parte do mundo, a bola segue rolando em alguns países mesmo com o crescimento gradativo da pandemia do novo coronavírus. Esse é o caso da Nicarágua, que nesta semana presenciou um caso bastante inusitado: todos os jogadores do Diariengén tentaram jogar uma partida inteira de mascara cirúrgica.

Único dos dez time da primeira divisão que votou a favor da paralisação total da competição nacional, tentou usar essa ação como forma de protesto contra as sequência das partidas. Apesar disso, um dos jogadores da equipe, o uruguaio Bernardo Laurencio falou sobre como é jogar 'mascarado'.

Futebol na Nicarágua não para e time joga partida de máscara contra o coronavírus
Futebol na Nicarágua não para e time joga partida de máscara contra o coronavírus
"Começamos jogando com máscaras, mas só aguentei 10 ou 15 minutos. Tomamos cuidados, mas depois dos gols nos abraçamos para comemorar e não nos demos conta - disse o meia, autor dos dois gols da partida", disse o jogador em entrevista à "CNN Deportes".

Em campo, Diriangén venceu o duelo por 2 a 0 e se manteve na liderança da competição, com 23 pontos em 10 partidas. Mesmo desconfortável em atuar, a equipe segue entrando em campo com o receio de levar o segundo WO consecutivo para não ser penalizado com até o rebaixamento.