Sem Luis Enrique, Espanha terá a volta de Cazorla nas Eliminatórias da Eurocopa

Pelo Grupo F, no qual lidera com seis após duas rodadas, a Espanha encara as seleções de Ilhas Faroe e Suécia

por Agência Estado

Campinas, SP, 17 - Após oito cirurgias e quase amputar o pé direito por conta de uma lesão no tendão de Aquiles, Santi Cazorla está de volta à seleção da Espanha. O meia do Villarreal é a principal novidade na lista feita pelo técnico Luis Enrique e anunciada nesta sexta-feira pela Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF, na sigla em espanhol) para as duas partidas em junho pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2020. Esta foi a primeira vez que ele é lembrado desde 2015.

Campeão europeu pela seleção espanhola, em 2008 e em 2012, o meia, de 34 anos, faz uma excelente temporada no Villarreal, com sete gols marcados em 45 jogos. No time nacional, já anotou 14 gols em 77 partidas.

Sem Luis Enrique, Espanha terá a volta de Cazorla nas Eliminatórias da Eurocopa
Sem Luis Enrique, Espanha terá a volta de Cazorla nas Eliminatórias da Eurocopa
Pelo Grupo F, no qual lidera com seis após duas rodadas, a Espanha encara as seleções de Ilhas Faroe (fora de casa) e Suécia (no estádio Santiago Bernabéu, em Madri) nos dias 7 e 10 de junho, respectivamente.

Outros dois retornos à seleção chamaram a atenção. São os casos do meia Isco e do atacante Iago Aspas. O primeiro voltou a ter espaço no Real Madrid com o retorno do técnico francês Zinedine Zidane, enquanto que o segundo é o principal nome do Celta no Campeonato Espanhol.

Mas não foi Luis Enrique quem divulgou a lista de convocados da Espanha. O treinador, inclusive, também não estará nestes dois jogos por conta de motivos pessoais - problemas de saúde em sua família -, conforme divulgou José Francisco Molina, diretor esportivo da seleção.

"O técnico não estará presente durante a concentração nas duas próximas partidas. A partir da RFEF, agradecemos o respeito da mídia à situação que nosso treinador está vivenciando. Nosso compromisso com Luis Enrique é total e ele tem todo o nosso apoio", disse em coletiva de imprensa. Quem comandará a equipe nos compromissos e quem fez, de fato, a convocação foi seu auxiliar Robert Moreno.

Confira a convocação da seleção da Espanha:
Goleiros - David De Gea (Manchester United-ING), Pau Lopez (Betis) e Kepa Arrizabalaga (Chelsea)

Defensores - Jordi Alba (Barcelona), Sergio Ramos (Real Madrid), Jose Luis Gaya (Valencia), Diego Llorente (Real Sociedad), Mario Hermoso (Espanyol), Inigo Martinez (Athletic Bilbao), Sergi Roberto (Barcelona), Dani Carvajal (Real Madrid) e Jesus Navas (Sevilla)

Meio-campistas - Sergio Busquets (Barcelona), Marco Asensio (Real Madrid), Rodri Hernandez (Atlético de Madrid), Santi Cazorla (Villarreal), Fabian Ruiz (Napoli-ITA), Dani Parejo (Valencia) e Francisco Isco Alarcon (Real Madrid)

Atacantes - Rodrigo (Valencia), Alvaro Morata (Atlético de Madrid), Iago Asas (Celta) e Mikel Oyazarbal (Real Sociedad)