Negociado há duas semanas, Keno pode trocar Egito pela Arábia Saudita

Na imprensa egípcia, a contratação do atacante era vista como a maior da história

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 11 (AFI) – Mal chegou e já está de saída. O atacante Keno se despediu do Palmeiras há duas semanas, se apresentou no Pyramids F.C. e já pode deixar o clube antes mesmo de estrear. Isso porque o time egípcio postou em sua conta no Twitter que recebeu uma “proposta atraente” de um clube da Arábia Saudita e as negociações já estão em andamento. Ele saiu do futebol brasileiro por 10 milhões de dólares, quase R$ 37 milhões.

A publicação do clube diz, em tradução livre: “O Pyramids FC recebeu uma oferta tentadora para negociar o jogador brasileiro Keno com um clube Saudita e as negociações estão em andamento”. De acordo com os comentários da imprensa egípcia, o clube saudita seria o Al-Nassr, que recentemente tirou Petros do São Paulo – ainda conta com o zagueiro brasileiro Bruno Uvini.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Na imprensa egípcia, a contratação de Keno era vista como a maior da história. O valor da negociação aumentou a expectativa da chegada do atacante e o clube fez festa com a sua chegada: “O Pyramids continua seus negócios e contratos oficialmente com o jogador brasileiro Marcus da Silva, o "Keno", do Palmeiras. Este é o negócio mais caro na história da liga egípcia”, comentou na época Sport 360, de Cairo, a capital do Egito, e que analisa o futebol local.

Em um primeiro momento, o Palmeiras não tinha interesse em negociar Keno, tanto que a primeira investida do clube egípcio foi rejeitada pela diretoria. Mas o Pyramids subiu a proposta, tornando-a quase irrecusável. Poucas semanas depois, o clube brasileiro vê que poderia ter feito um negócio ainda melhor.

Negociado há duas semanas, Keno pode trocar Egito pela Arábia Saudita
Negociado há duas semanas, Keno pode trocar Egito pela Arábia Saudita

 
 
" />