Após acesso com Cuiabá, Lenon realiza recondicionamento e analisa propostas

O lateral-direito realizou um processo de recondicionamento físico no Instituto Mood, em Campinas

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 08 (AFI) - O lateral-direito Lenon está prestes a ser liberado para retomar sua carreira. Após quase três meses realizando um trabalho específico de recondicionamento em Campinas, interior de São Paulo, o lateral vem se preparando para retornar aos gramados e, nesse meio tempo, recebeu sondagens de diversas equipes do Norte, Sul e Sudeste.

Campeão da Série A2 com o Guarani, em 2018, Lenon chamou atenção do Vasco e, ainda em 2018, disputou o Campeonato Brasileiro da Série A pelo cruzmaltino. Expert em acesso, em 2020, o lateral defendeu as cores do Cuiabá em uma campanha que culminou no acesso inédito do Dourado ao Campeonato Brasileiro da Série A.

O atleta foi prejudicado por uma lesão no início da Série B do ano passado, em meados de Junho, e foi submetido a uma cirurgia. Ainda em Outubro, o jogador conseguiu voltar disputar uma partida oficial.

“Consegui me recuperar, mas ainda sentia dor. Sabia que era importante naquele momento de definição da Série B estar a disposição da equipe para a reta final. Porém também sabia que depois que conquistássemos o acesso teria que me dedicar à minha recuperação para zerar minha dor e não carregar esse problema comigo”, afirmou.

Assim que acabou a Série B, o lateral-direito iniciou um trabalho específico de recondicionamento físico, no Instituto Mood, em Campinas, com intuito de restabelecer sua condição física de forma plena.

“Precisei fazer esse programa de treinamento pra poder melhorar o desempenho e também meu joelho. A pós-cirurgia foi bem complicada para mim, mas consegui superar e agora estou fazendo esse trabalho no Instituto Mood para ficar 100%”, disse.

Ainda assim, o lateral teve seu nome sondado em diversas equipes do futebol brasileiro, em São Paulo, o São Caetano procurou os representantes do atleta para que ele disputasse o Paulistão, além do Azulão, outra equipe de Santa Catarina e uma de Belém, demonstraram interesse em contar com o jogador.

“Tive que recusar proposta nesse início de campeonato pra poder fazer esse programa de treinamento e reabilitação. Essa foi minha intenção nesse início de ano depois do término do contrato lá com Cuiabá”, explicou.

Através de suas redes sociais, Lenon vem mostrando um pouco do dia a dia de sua recuperação que, enfim, está prestes a acabar: “Precisava passar por isso. Agora sei que estou 100% e posso chegar em um clube e ajudar. Esse é meu maior desejo para esse momento”, finalizou.