Polícia questiona ex de Najila sobre relacionamento e tablet desaparecido

A acusadora de Neymar afirma que o ex-marido teria roubado um tablet com imagens do segundo encontro entre a mulher e o jogador

por Agência Estado

Campinas, SP, 12 (AFI) - Ex-marido de Najila Trindade, o consultor Estivens Alves prestou depoimento à polícia nesta quarta-feira. Em sua fala, Alves foi questionado sobre o relacionamento com a ex-mulher, que acusa o jogador Neymar de agressão e estupro, e o suposto furto do tablet da modelo.

A primeira parte foi centrada no relacionamento de sete anos entre os dois. Os investigadores da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher fizeram questionamentos na tarde desta quarta-feira sobre o relacionamento entre os dois durante e após o casamento. Os dois estão separados há quase dois anos. Estivens e Najila têm um filho de nove anos. O consultor prestou depoimento por cerca de 2h30min.

A relação entre Estivens e Najila foi conflituosa, inclusive com episódios de agressão em 2014. No mais grave, o marido chegou a ser atendido no Hospital do Campo Limpo, em São Paulo, onde permaneceu em observação por causa de ferimentos superficiais causados por uma faca. Na versão de Najila à polícia, ela estava comendo uma maçã com uma faca nas mãos quando foi puxada pelo braço, o que teria causado o ferimento no ex-marido.

A segunda parte do depoimento, que está sendo concedida na 11ª Delegacia de Polícia, ao lado da Delegacia da Mulher, no começo da noite desta quarta-feira, tem foco no desaparecimento de um tablet. O aparelho teria sido furtado do apartamento de Najila.

De acordo com a modelo, o tablet contém imagens sobre o segundo encontro entre ela e Neymar em Paris, um dia após o suposto estupro. Estivens visitou o apartamento para buscar pertences de seu filho, em seu relato, após o suposto arrombamento. Ele registrou em vídeo a sua visita.