Goleiro Bruno pode ser transferido para BH após cometer falta grave

Além disso, só deve obter o direito ao regime semiaberto a partir de 2023

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 12 (AFI) - Preso em Varginha desde 2017, ano no qual teve uma breve passagem pelo Boa Esporte, o goleiro Bruno pode ser transferido para Belo Horizonte. Isso porque a 1ª Vara de Execuções Penais de Varginha considerou que o ex-atleta cometeu uma falta grave, baseado e uma reportagem exibida pela TV Alterosa.

A matéria em questão Bruno acompanhado de mulheres em uma mesa na qual havia uma lata de cerveja, mas ele não aparece consumido o produto. De qualquer maneira, a condenação veio por conta do “uso de aparelho telefônico para marcar encontro com mulheres... estando em cumprimento de pena em regime fechado”

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
A regra do regime cumprido pelo goleiro determina que ele não pode fazer uso de aparelho celular para marcar encontros com pessoas que não sejam da família ou que esteja em companhia de pessoas que não “guardam relação com o local em que prestava trabalho externo”.

Além da possibilidade de transferência, Bruno teve o direito de regime semiaberto adiado. Agora, ele só poderá obtê-lo em 2023. Ele foi em preso em 2010, condenado pelo homicídio de Eliza Samúdio, além do seqüestro e cárcere privado de seu filho Bruninho.

 
 
" />