Célebre campineiro, ex-técnico de Ponte Preta e São Paulo completa 78 anos

Otacílio Pires de Camargo, o Cilinho, é tido com um dos principais treinadores da história do futebol brasileiro

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - Com o nome gravado na história do nosso futebol, Otacílio Pires de Camargo, ou simplesmente Cilinho, completa 78 anos nesta sexta. Marcado até hoje pelo olho clínico para revelar talentos, ele comandou o São Paulo na conquista do Paulistão de 85 e 87, além de ter montado o elenco do time campeão em 86.

Cilinho (ao centro) completa 78 anos nesta quinta (08)
Cilinho (ao centro) completa 78 anos nesta quinta (08)

Natural de campinas, Cilinho tentou ainda jovem a carreira de jogador no Guarani. Entretanto, ele alcançou a equipe profissional.

Posteriormente, os caminhos do futebol o levaram até a Ponte Preta, arquirrival do Bugre, e clube que lhe ofereceu a primeira grande oportunidade como técnico de futebol.

Ele ficou no Moisés Lucarelli entre 1969 e 1970, local onde começou sua fama de revelador de bons atletas. Em seguida, ele tentou a sorte no exterior, mas não demorou a retornar ao Brasil.

MARCOU ÉPOCA NO MORUMBI...
Em 1972, ele foi o escolhido para treinar a Portuguesa. Contudo, foi no São Paulo que seu nome ganhou notoriedade em todo o país. Em 1984, ele dirigiu a equipe conhecida até hoje como "Menudos do Morumbi", em alusão ao grupo musical 'Menudos' - isto, devido a baixa idade dos atletas.

Ao todo, ele contabiliza 243 jogos à frente do Tricolor, tendo obtido 108 vitórias, 85 empates e 50 derrotas. Entre os atletas que receberam chance com o treinador no Morumbi estão Márcio Araújo, Nelsinho Baptista, Muller, Sidney e Silas.

 
 
" />