Há 26 anos, Araçatuba encerrava campanha vitoriosa na Série A2

Entre 1995 e 2000, o Araçatuba viveu sua época de ouro, estando na elite paulista e recebendo as grandes forças do futebol paulista

por Federação Paulista (FPF)

São Paulo, SP, 15 - Representante do futebol araçatubense desde 1973, a Associação Esportiva Araçatuba é uma das maiores vencedoras da Série A2, com três conquistas. A última delas aconteceu em 1994 e foi encerrada no dia 15 de maio, há exatos 26 anos.

A AEA venceu a segunda divisão logo no seu ano de estreia, em 1973. Com a Lei do Acesso suspensa, o time teve que esperar quase 20 anos, até que vencesse novamente em 1991 e subisse para a elite em 1992. Com a quantidade elevada de clubes (28), o Araçatuba ficou no Grupo B em ambos os anos, não jogando nenhuma vez contra os maiores vencedores do Paulistão. Em 1994, o futebol paulista foi reorganizado. Os 16 times que, em tese, iriam compor o Grupo B da elite acabaram rebaixados e formaram a recém-criada Série A2.

O estádio Dr. Adhemar de Barros foi palco desta conquista
O estádio Dr. Adhemar de Barros foi palco desta conquista
O regulamento do campeonato foi o mais simples possível: todos jogando contra todos em dois turnos. O campeão seria quem somasse mais pontos, enquanto segundo e terceiro colocados também garantiriam o acesso.

Contando com a força do ataque, o melhor da competição com 44 gols marcados, o time dirigido por Roberval Davino somou 39 pontos após 10 vitórias, nove empates e apenas seis derrotas em 38 jogos disputados. O jogo do título aconteceu no dia 8 de maio, contra o Sãocarlense.

Diante de sua torcida e com o estádio lotado, o Araçatuba venceu por 3 a 1 e contou com o empate entre Juventus e XV de Piracicaba – que ficaram com as outras vagas de acesso – para conquistar o título antecipado. Na última rodada, a derrota para o Noroeste, por 1 a 0, já não fez nenhuma diferença.

ANOS DOURADOS
Entre 1995 e 2000, o Araçatuba viveu sua época de ouro, estando na elite paulista e recebendo as grandes forças do futebol paulista no estádio Dr. Adhemar de Barros. Nos dois primeiros anos, o time se mostrou um dos mais fortes do interior, terminando em oitavo e sétimo lugar, respectivamente.

Porém, aos poucos, foi perdendo força, até o rebaixamento de 2000, ocasionado pela escalação irregular de três jogadores, que renderam ao clube uma punição de 20 pontos.

CONFIRA COMO FOI A CAMPANHA DO ARAÇATUBA NA SÉRIE A2 DE 1994:
23/01/1994: Comercial 1x1 Araçatuba
26/01/1994: Araçatuba 3x1 XV de Jaú
30/01/1994: Araçatuba 2x0 São Caetano
02/02/1994: Paraguaçuense 0x1 Araçatuba
06/02/1994: São José 1x1 Araçatuba
09/02/1994: Araçatuba 2x1 Taquaritinga
12/02/1994: Botafogo 1x0 Araçatuba
16/02/1994: Olímpia 3x2 Araçatuba
20/02/1994: Araçatuba 3x1 Inter de Limeira
23/02/1994: Marília 2x2 Araçatuba
27/02/1994: Araçatuba 0x0 XV de Piracicaba
02/03/1994: Araçatuba 3x2 Juventus
06/03/1994: Catanduva E. e C. 1x0 Araçatuba
09/03/1994: Sãocarlense 1x2 Araçatuba
13/03/1994: Araçatuba 2x0 Noroeste
19/03/1994: Araçatuba 2x0 Comercial
24/03/1994: XV de Jaú 2x2 Araçatuba
27/03/1994: São Caetano 0x1 Araçatuba
30/03/1994: Araçatuba 1x1 Catanduva E. e C.
03/04/1994: Araçatuba 0x0 São José
06/04/1994: Taquaritinga 1x0 Araçatuba
10/04/1994: Araçatuba 4x0 Botafogo
13/04/1994: Araçatuba 3x0 Olímpia
17/04/1994: Inter de Limeira 1x2 Araçatuba
21/04/1994: XV de Piracicaba 1x0 Araçatuba
23/04/1994: Juventus 0x0 Araçatuba
01/05/1994: Araçatuba 0x0 Marília
05/05/1994: Araçatuba 2x1 Paraguaçuense
08/05/1994: Araçatuba 3x1 Sãocarlense
15/05/1994: Noroeste 1x0 Araçatuba