Presidente da FPF vê futebol paulista como "exemplo" e não define futuro dos torneios

Reinaldo Carneiro Bastos ainda não tomou nenhuma decisão em meio a pandemia do coronavírus

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 24 (AFI) - A Federação Paulista de Futebol (FPF) se manifestou através de uma carta assinada pelo presidente Reinaldo Carneiro Bastos e encaminhada aos presidentes dos clubes filiados nesta terça-feira sobre a paralisação dos campeonatos por conta da pandemia do coronavírus.

Nela, o mandatário destaca a medida tomada antes mesmo dos governos se posicionarem sobre a quarentena:

"Nossa decisão, como notado, foi acertada para o momento: o futebol paulista deu exemplo e se antecipou às medidas que os governos tomariam".

Reinaldo Carneiro Bastos se manifestou sobre a paralisação dos campeonatos
Reinaldo Carneiro Bastos se manifestou sobre a paralisação dos campeonatos

FEDERAÇÃO ATENTA
Reinaldo Carneiro Bastos diz ainda que a entidade está em constante contato com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para saber "as possibilidades de adaptação do calendário do futebol para este ano", mas que até o momento "não há nada definido".

Por fim, o presidente deixa claro a preocupação com os clubes filiados, atletas, árbitros e outros profissionais do futebol.

A intenção é que "os efeitos da pandemia sejam os menores possíveis para todos os envolvidos".

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA

Há uma semana, definimos juntos paralisar todas as competições em andamento e suspender o início dos campeonatos que ainda estão por acontecer. Nossa decisão, como notado, foi acertada para o momento: o futebol paulista deu exemplo e se antecipou às medidas que os governos tomariam.

Desde então, a Federação Paulista de Futebol tem monitorado dia a dia o curso da pandemia do COVID-19, junto às autoridades de saúde e governamentais. Mantemos contato com a CBF, para saber as possibilidades de adaptação do calendário do futebol para este ano. Até o momento, entretanto, não há nada definido. Seguimos atentos e deixaremos todos os filiados informados de cada passo.

Temos enorme preocupação com os clubes filiados, atletas, árbitros e todos os demais profissionais do futebol, além dos parceiros comerciais e de mídia, com quem mantemos contato constantemente. Trabalharemos para que os efeitos em decorrência dessa pandemia sejam os menores possíveis para todos os envolvidos no futebol.

Esta é uma crise que gera impacto em todos segmentos, em todo o mundo, sem qualquer distinção. Superar este momento exige união, bom senso, equilíbrio e entendimento. Vamos caminhar juntos!