Aceisp homenageia cronistas históricos do Interior e presidente da ABRACE

Confraternização aconteceu em Campinas e 'históricos' receberam homenagem especial

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 14 (AFI) – Num clima de muita descontração aconteceu na sexta-feira, em Campinas, a confraternização anual da Aceisp Associação dos Cronistas Esportivos do Interior de São Paulo. O evento reuniu mais de 200 filiados e convidados e foi marcado pela presença do presidente da ABRACE – Associação Brasileira dos Cronistas Esportivos – Kleiber Beltrão – e da homenagem a alguns cronistas históricos de São Paulo.

Beltrão: homenageado pelo ABRACE
Beltrão: homenageado pelo ABRACE

“Vim a Campinas porque entendo a importância da crônica esportiva do Interior de São Paulo para a crônica nacional. É um prazer abraçar e cumprimentar alguns novos e outros experientes jornalistas” – comentou Kleiber Beltrão.

NA ACEC

Beltrão foi recepcionado pelo presidente da Aceisp, Sérgio Carvalho, pelo diretor Artur Eugênio Mathias e por Jaércio Barbosa, diretor e o membro mais antigo da entidade criada há apenas três anos e que beira mil associados.

O vice-presidente da Aceisp, Luciano Luiz, da TV Grande ABC, também esteve presente e participou da premiação.

O evento aconteceu na sede da ACEC – Associação dos Cronistas Esportivos – e que desde ano passado tem sido resgatada pelo presidente Wagner Ferreira. Uma bela chácara localizada no distrito de Souzas.

Sérgio Carvalho, à esquerda, Artur Eugênio e Wagner Ferreira (Acec)
Sérgio Carvalho, à esquerda, Artur Eugênio e Wagner Ferreira (Acec)

OS HOMENAGEADOS
A direção da Aceisp optou neste ano por homenagear alguns cronistas com mais de 50 anos de profissão, que receberam cartões de prata. Um deles, o narrador José Roberto Fernandes, de Araraquara, onde milita na rádio e na tv Cultura.

De Campinas, José Arnaldo Carnesin, da Rádio TV Bandeirantes, que não pode comparecer por problemas familiares. O representou o comentarista Valdemir Gomes, velho companheiro de José Arnaldo na Bandeirantes.

LENDA VIVA
De Americana, Antônio Edson, de 73 anos, uma verdadeira lenda viva do rádio e conhecido como Tonicão. Ele começou a carreira na Rádio Clube de Americana, mas depois passou por várias emissoras de Limeira e Campinas, antes de chegar a São Paulo.

Na capital participou da equipe de Osmar Santos, na Rádio Globo, depois empunhou ainda os microfones da Bandeirantes, Capital, Band FM e Transamerica. São mais de 50 anos de carreira.

Um prêmio especial foi dedicado para José Roberto Lux, o Zé Boquinha, por sua vida como desportista e depois como comentarista de rádio e televisão.

PARA ABRACE
O presidente Sérgio Carvalho aproveitou a presença de Kleiber Leitão para também entregar um cartão especial à entidade e outro ao próprio presidente da ABRACE pelos relevantes serviços prestados à crônica esportiva nacional. Sérgio Carvalho e Artur Eugênio também presentearam Wagner Ferreira, presidente da ACEC.
Filiados receberam medalhas
Filiados receberam medalhas

A reunião começou ao meio dia e terminou às 23 horas, com muito chope e muito churrasco. Ao final foram sorteados vários prêmios, entre eles uma televisão de 43 polegadas. Todos os filiados receberam uma medalha que marcou o encontro, organizado por Edinho Campos e equipe.

OS REPRESENTANTES
Além de muitos presentes de Campinas e região, estiveram no evento cronistas (jornalistas e radialistas) de Americana, Limeira, Araras, Piracicaba, Ribeirão Preto, Araraquara, Rio Preto, Bragança Paulista, São Caetano do Sul, Barueri, Franco da Rocha, Guarulhos e da Capital, entre outros.

"Foi uma festa com a cara do Interior: simples e gostosa" - resumiu Nando Lopes, de Piracicaba.