Sindicato de Atletas de SP beneficia ex-jogadores com Certificado de Monitor

O Certificado pode ser solicitado pessoalmente na sede da entidade em São Paulo

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 10 (AFI) - O Sindicato de Atletas de São Paulo tem muitos benefícios para os atletas, além de cuidar de gente, a entidade se preocupa com o jogador, mesmo depois que ele encerra sua carreira.D e acordo com o que previa a lei 6.354/76, em seu artigo 27, "todo atleta que completa três anos consecutivos ou cinco anos alternados será considerado por lei monitor de futebol. O termo "monitor" da época é o que representa o técnico hoje. O atleta precisa comprovar através de seu registro profissional. Caso não tenha, pode solicitar na CBF seu histórico como atleta.

A instituição emite o certificado desde 2008 para todos os atletas que sejam associados. A solicitação, inicialmente, é feita pelo site www.sindicatodeatletas.com.br. Junto com o certificado, o associado recebe um kit, enviado pelo correio, e contempla os seguintes itens: certificado, camiseta, caneta, lápis, apito, bloco de notas, pasta e duas carteirinhas, uma de sócio e outra do monitor. O prazo para recebimento é de 7 a 10 dias.

Sindicato de Atletas de SP beneficia ex-jogadores com Certificado de Monitor
Sindicato de Atletas de SP beneficia ex-jogadores com Certificado de Monitor
A grande maioria dos atletas que solicitam, já possui algum projeto e podem abrir uma escola ou trabalhar para prefeitura. O certificado deixa o profissional apto para trabalhar em escola, na parte tática e técnica.

"O Certificado de Monitor, dá aos atletas uma excelente oportunidade para que consigam continuar sua vida profissional tendo um rendimento que está ligado diretamente à sua primeira profissão”, afirma Luís Eduardo Pinella, vice-presidente do Sindicato.

“Trabalhar em escolinhas de futebol passando a experiência adquirida durante os anos em que atuou como atleta profissional para os alunos que pretendem seguir a carreira de atleta, indicando os atalhos para o aperfeiçoamento dos movimentos que o corpo deve fazer para alcançar maior perfeição nos passes e nas finalizações são alguns exemplos em que esses atletas podem contribuir enormemente com seus alunos”, que conclui.

BENEFÍCIO EM MÃOS
Atletas como Beletti (Seleção Brasileira) Vampeta, Edilson (SC Corinthians Pta.) já receberam o benefício. Nesse primeiro semestre foram emitidos 170 certificados com seus kits.

“E com muita satisfação que eu faço esse trabalho, é uma conquista que o Sindicato fez pelo atleta, abriu uma nova porta de emprego. Eles agradecem muito por essa conquista, tenho muita satisfação de atender a todos”, afirma Júlio Queiroz, funcionário da instituição responsável pela emissão do benefício.

 
 
" />