Os segredos e os números que fizeram o sucesso do projeto Futebol Sustentável

Três milhões de pets, Um milhão de torcedores, 180 entidades beneficiadas, 80 cidades e mais de 100 mil kms rodados

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 8 (AFI) – A maneira mais simples de entender o sucesso do projeto FUTEBOL SUSTENTÁVEL dentro do futebol paulista é analisar os números. São mais de 80 cidades contempladas e mais de 100 mil quilômetros rodados pela equipe a E&L Marketing, parceira da Federação Paulista de Futebol (FPF) no maior ‘case’ para promover jogos e levar públicos aos estádios do futebol de São Paulo. Uma ideia genial do presidente Reinaldo Carneiro Bastos, que imprimiu uma nova gestão à entidade nos últimos três anos.

Reinaldo Carneiro e Ferraz: juntos na final da Segundona
Reinaldo Carneiro e Ferraz: juntos na final da Segundona

São mais de três milhões de garrafas pets retiradas do meio ambiente e mais de um milhão de torcedores nos estádios, até então vazios, do Interior paulista.

As famílias voltaram ou conheceram a arquibancadas do estádios, com as presenças de mulheres e crianças que, por sua vez, puxaram atrás aqueles torcedores.

TRABALHO DE FÔLEGO:
Divulgação, carros de som e equipe especializada

"Algumas pessoas pensam que é apenas distribuir ingressos com trocas de garrafas. mas existe toda uma equipe trabalhando por trás e investimento para valorizar o futebol, principalmente do Interior" - explica Edivaldo Ferraz, diretor da E&L Marketing. ele não cansa também de elogiar o presidente da FPF.

"Este projeto saiu da cabeça do presidente Reinaldo Carneiro. Depois ele tem a coragem de colocar em prática, algo que ninguém acreditava. Minha equipe só buscou conhecimento e se dedicou ao trabalho" - revela.

Mais de 180 entidades foram beneficiadas por milhares de garrafas plásticas recicladas e os clubes ainda tiveram lucro. Tudo de forma democrática, porque independente da divisão, todos os clubes poderiam participar do projeto, com apenas um pedido à presidência da FPF.

SEGREDO É A PROMOÇÃO:
Um jogo vira um espetáculo

Mesmo assim, alguns dirigentes ainda não entendem o espírito promocional do projeto. Um simples jogo, de repente, se torna um espetáculo na cidade. Graças ao investimento e trabalho de uma equipe que, com ao longo de três anos, adquiriu Know-how específico.

Comandado por Edivaldo Ferraz, da empresa E&L Marketing Esportivo, uma grande equipe se divide pelas cidades. Elas produzem cartazes, usam carros de som, montam equipes para visitar escolas e contam ainda com um investimento na imprensa local – rádios, jornais e televisões.

“É um verdadeiro aparato criado para transformar um simples jogo de futebol num espetáculo de final de semana. E que visa levar aos estádios, muitas vezes, pessoas que nunca lá entraram. É um prazer imensurável ver tanta gente nas arquibancadas depois de uma semana de muito trabalho e dedicação” – diz Ferraz.

Apesar disso, ainda tem dirigente que não solicita esta ‘caravana de sucesso’ em sua cidade. Talvez seja do tipo que não acredita que o homem foi à lua e que o futebol é apenas um joguinho entre dois times. Mal sabe que tem um grande espetáculo nas mãos.