ESPECIAL: Estreante, Sapucaiense-RS quer provar força do Sul na Copa do Brasil

O time é comandado pelo ex-zagueiro Marcão, que teve passagens pelo Juventude

Por: Agência Futebol Interior, 06/03/2012

Sapucaia do Sul, RS, 06 (AFI) – A vaga para a disputa da Copa do Brasil praticamente caiu no colo, mas o Grêmio Sapucaiense quer provar que não está estreando na competição à toa. Fundado em 1941, o time gaúcho começou a disputar competições profissionais a partir de 2005 e depois de seis anos joga pela primeira vez um torneio de nível internacional.

A história do time de Sapucaia do Sul sempre teve grande tradição em competições amadoras, principalmente das categorias de base, tanto é que até hoje em dia boa parte dos titulares da equipe é de jogadores nascidos em Sapucaia do Sul. Em 99, a equipe foi campeã estadual Sub-21.

A principal glória do clube, porém, foi na fase profissional. Em 2007, a equipe foi campeã da Segundona Gaúcha e ganhou o direito de disputar a primeira divisão estadual. Na primeira vez que esteve na competição, surpreendeu e terminou em sexto lugar. No ano seguinte, fez campanha ruim e foi rebaixado.

A vaga
Mesmo disputando a Segundona do Gaúcho, o Sapucaiense garantiu vaga na disputa da Copa do Brasil. A equipe começou a confirmar a classicação, sem saber, em 2010, quando terminou com o terceiro lugar da Copa FGF. O time só conquistaria a vaga na Copa do Brasil caso a final do Campeonato Gaúcho fosse entre Grêmio e Inter

E foi justamente isso que aconteceu. Os dois maiores times do estado disputaram estadual e a vaga caiu no colo do Sapucaiense quase um ano depois da conquista da vaga. O vice-campeão da Copa FGF, Cerâmica, conquistou vaga na Série D do Campeonato Brasileiro da última temporada, já que o campeão foi o Inter B.

O time foi para a disputa da Copa do Brasil foi montado às pressas com jogadores de Sapucaia do Sul e de outras cidades do Rio Grande do Sul. até o treinador é natural do Estado da Farroupilha. O ex-zagueiro, Marcus Rogério dos Santos, o Marcão (foto), que tem passagens por times como Juventude e outras equipes do futebol gaúcho, foi o escolhido para comandar o Grêmio Sapucaiense.

O meia Terrão, que teve passagem pela Ponte Preta, chegou a ser contratado, mas não jogou nenhuma partida pela equipe e se transferiu para o Independente, da Série A3 do Campeonato Paulista.

O Cara – Hiroshi
Rodado no interior gaúcho, o meia Leandro Hiroshi (foto) foi contrata junto ao Grêmio Bagé para comandar o meio-campo do Sapucaiense na temporada. Com 25 anos, o meia alivia velocidade e técnica e vai tirar atenção do treinador da Ponte Preta, Gilson Kleina, durante a Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
Nome: Grêmio Esportivo Sapucaiense
Estádio: Artur Mesquita Dias (3.000)
Melhor colocação na história: Nunca disputou

Time-base: Júlio César, Dudu, Valença, Nathan e Deivid; Leandro Nunes, Dieisson, Hiroshi e Robson; Rodrigo e Alan Patrick. Técnico – Marcão