Sérgio Carvalho: Até quando o corintiano vai se calar?

Até quando os conselheiros e associados do Corinthians vão permitir que um bando de irresponsáveis e incompetentes continue à frente

por SÉRGIO CARVALHO - Campinas

A pergunta está no ar. Até quando o corintiano de verdade vai se calar. Até quando os conselheiros e associados do Corinthians vão permitir que um bando de irresponsáveis e incompetentes continue à frente do clube. E as Uniformizadas que fizeram tanto barulho quando houve o movimento para o afastamento definitivo de Alberto Dualib? Será que os atuais dirigentes corintianos pagam para que elas fiquem quietas e não criem problemas? Não sei.

Mesmo porque é difícil conseguir provas. Mas que é surpreendente que um clube que tem a maior torcida do Brasil e sempre foi cobrado por ela, esteja totalmente abandonado e cada dia mais perto do fundo do poço. Só nos últimos meses o Corinthians perdeu mais da metade de seus diretores que não se sentiram à vontade para trabalhar diante de tantas irregularidades existentes na administração Roberto Andrade.

Falou-se em afastamento, em impeachment, mas até agora nenhuma atitude foi tomada. O débito pela construção do estádio cresce a cada mês. O clube deixou de pagar as prestações devidas já faz algum tempo. Fala-se em tentar novo acordo com a Oderbrecht mas até esse momento nenhuma atitude mais clara foi tomara.

Enquanto isso, Roberto Andrade foi "passear" nos Estados Unidos, talvez com dinheiro do clube e deixou o abacaxi para que seus ainda diretores tentem resolver os problemas que surgem. Estamos no início de uma temporada e o Corinthians não tem dinheiro para investir e ainda perdeu alguns dos jogadores que estavam no elenco na última temporada.

O técnico escolhido para dirigir o time é inexperiente, não tem currículo. Foi escolhido por falta de opção e porque ganha um salário medíocre. O elenco que já não era bom, ficou pior. As possíveis contratações não saem do papel e, ainda assim, os nomes divulgados não são de jogadores com qualidade suficiente para defender o Corinthians.

O Itaquerão tem vazamentos, não está terminado e a Oderbrecht já disse que não vai investir mais nada no estádio. Ainda assim, o departamento jurídico do Corinthians não reage, não protesta. Deixa aquela construtora fazer o que quer como se fosse um contrato unilateral. Diante desse trista quadro, volto a fazer a pergunta: por que a Fiel (torcedor, associado, conselheiro e diretor) não se une e faz um movimento nacional para acabar com tanta mediocridade?

Por que não cobram o dono dos porcos, sr. Andres Sanchez, que é o grande culpado por tudo que está acontecendo? Por que,. como fizeram com Alberto Dualib, o Conselho Deliberativo não se reúne extraordinariamente e bota Sanchez e sua gangue para correr? Difícil dizer.

Mas que o Corinthians só voltará a ser grande e a disputar títulos depois de fazer uma super limpeza em sua diretoria, não há nenhuma dúvida. Enquanto isso não acontecer, a fiel vai viver momentos difíceis, de muita tristeza e frustração, sem time, sem técnico, sem dirigentes e sem títulos. Um futuro negro que a segunda maior torcida do País não merece. Já passou da hora de se fazer alguma coisa.

C * U * R * T * A * S

* ROBERTO Andrade, presidente do Corinthians, está nos Estados Unidos. O clube pega fogo e ele ignora. Prefere passear. Enquanto isso há quem peça sua cabeça. Mas falta iniciativa para que isso aconteça. Há muita acomodação. Conheço vários grandes nomes que são associados do clube e estão com os braços cruzados. Eles bem que poderiam se unir e fazer um movimento em favor do clube e contra os desmandos da atual administração. Ao invés de posar em fotos com o fanfarrão do André Sanchez, que o afastem do comando do clube.

* NO ÚLTIMO final de semana o diretor de marketing Gustavo Herbetta pediu demissão. Mais um que deixa o clube. E ninguém fala nem faz nada. Dizem que nessa semana, com a possível volta de Roberto Andrade, haverá uma reunião no Parque São Jorge quando o atual presidente será fortemente cobrado. Só acredito, vendo. Não creio que alguém do atual comando vá mesmo cobrar o presidente do clube. Podem conversar e no final tudo vai continuar como antes. Única noticia boa. Gabriel, do Palmeiras, será contratado nas próximas horas.

* DIRETORIA do Santos se mexe mas pouco faz. Ficou de renovar o contrato de Ricardo Oliveira mas até agora não conseguiu. Prometeu contratar Luiz Fabiano e não confirmou. Dizem que agora o presidente alvinegro vai correr atrás de Mateus Pereira, atacante do Sporting, de Portugal. Parece ser um bom nome. E o Santos precisa mesmo reforçar seu ataque. Quanto a volta de Robinho, tão anunciada por Modesto Roma, ela não vai acontecer. A multa que o Atlético MG quer cobrar é muito alta e o Santos não tem todo esse dinheiro para contratá-lo.

* A VERDADE é que, pelo menos no Campeonato Paulista. o Santos terá um time bem parecido com aquele que terminou o último ano. Um time que foi vice campeão brasileiro e que tem lá sua força. Além disso, Dorival Junior, que já provou ser um bom técnico, vai continuar. Assim, acredito que o Peixe vai entrar na disputa do Paulistão com boas possibilidades de disputar o título. Difícil vai ser brigar pelo caneco em torneios mais difíceis como a Libertadores e o Brasileirão. Ainda assim, o time da Vila não deve passar por vexames. Tem bom potencial.

* O PALMEIRAS é uma máquina de contratar jogadores. Só para a temporada 2017 já contratou um número bem superior ao de seus maiores adversários somados. A vantagem do Verdão é que hoje ele tem dinheiro em caixa, é bem administrado e possui um parceiro, a Crefisa, que está sempre pronta a investir no elenco sempre que preciso. Aliás, o casal que comanda essa financeira, é palmeirense. E já tentam dominar o Conselho Deliberativo do clube. Se conseguirem, na próxima eleição para a Presidência certamente terão chance de ganhar.

* HOJE o Palmeiras é o clube brasileiro que tem mais dinheiro em caixa. Compra e vende jogadores com competência. Paga suas dívidas e não permite atraso de salários. E quando algo inesperado acontece na área econômica, alguém assina um cheque e deposita na conta do clube, como o ex presidente Paulo Nobre fez uma porção de vezes. Desta forma, essa tem tudo para ser a década do Palmeiras. Um clube que investe forte no futebol e, como consequência, deve ganhar muitos títulos na atual e nas próximas temporadas. É uma força nacional.

* MAIOR objetivo do Palmeiras neste ano será ganhar a Libertadores e depois tentar a conquista do mundial interclubes. É um título que falta ao Verdão e que serve de ferramenta para que os torcedores adversários ironizem os palmeirenses. Lógico que a Libertadores é um torneio muito difícil, muito pesado e que não se ganha com facilidade. Mas hoje, com o elenco que possui e com o dinheiro que tem, o Palmeiras está bem preparado para atingir esse objetivo. Seu único problema a meu vez é o técnico. Mas, de repente, ele me contradiz. Esperemos.

* PARECE que Ponte Preta e Guarani não estão investindo muito em contratações. Para variar, falta dinheiro. Ainda assim, há esperança de que façam boas campanhas nos torneios ou campeonatos que disputarem. O Guarani precisar usar esse ano para voltar aos seus melhores dias. É preciso trabalhar duro para conseguir dinheiro e montar um time competitivo. Se isso não for possível, que entrem em contato com os grandes clubes e façam alguns acordos. Lembro que no passado o Benedito Teixeira, do América de Rio Preto, fazia exatamente isso.

* ELE procurava, principalmente no Palmeiras, jogadores novos em fase de crescimento técnico. Esses jogadores chegavam com moral no América e cresciam de produção durante a temporada. Foi assim que surgiram jogadores como o centro avante Cardoso, o ponta esquerda Caravetti, o quarto zagueiro Nelson. Sei que existem jovens e bons jogadores no Palmeiras, São Paulo, Santos e Corinthians. Negócio é fazer uma visita, pedir por empréstimo e reforçar o elenco com eles. Já vi muito time bom ser montado dessa forma. Fica aí a sugestão,.

* O SÃO PAULO vai muito bem na Copa São Paulo de Juniores, pelo menos até agora. Sua equipe é forte e possui jogadores de excelente nível. Aliás, o Tricolor paulistano tem trabalhado muito bem com seus meninos. Prova disso são as revelações que Rogério Ceni prometeu aproveitar durante a temporada 2017. Pelo que pude ver, o São Paulo é um dos grandes candidatos ao título da Copinha. Mas não é só o Tricolor que vai bem nessa competição. Nossos chamados grandes clubes estão dando conta do recado. Há ótimos jogadores neles todos.

*FINALMENTE o volante Felipe Melo assinou contrato com o Palmeiras. Vai ficar pelo menos três anos no Verdão. É um jogador que dá muita pancada e tem recursos técnicos limitados. Leva muito cartão amarelo e também alguns vermelhos. Se isso não for amenizado, Felipe jogará pouco pelo Verdão. Enquanto isso Dudu diz que pretende ser o grande líder do time durante a nova temporada. Não sei se ele tem cabeça prá isso. É metido a indisciplinado. Mas como jogador de bola está acima da média. Foi destaque no último campeonato Brasileiro.

*DELEGAÇÃO do São Paulo já está na Flórida. Vai disputar dois amistosos nos próximos dias e depois participar de um torneio profissional quando Rogério Ceni começará a testar seu esquema tático e seus jogadores. À principio ele ainda não tem o time base na cabeça. Mas acredito que já na volta ao Brasil terá resolvido essa dúvida. Diretoria aproveita a ausência do elenco para cuidar de mais algumas contratações. Caleri que fez seu nome junto à torcida tricolor já acertou até salário. Pode ser ótimo reforço para o ataque nesta nova temporada.

*O ANO já virou e a ACEISP - Associação dos Cronistas Esportivos do Interior do Estado, do qual sou presidente, também mudou um pouco o valor da anuidade. Você pede sua credencial e paga 120 reais. Menor preço das associações concorrentes. E o que é importante. Sua credencial vale em todo o território nacional. Principalmente nos estádios do futebol paulista. A CBF e a FPF já oficializaram nossa credencial. Quem ainda não pediu é só entrar em contato com nossa sede. Telefone da ACEISP é o 19- 99115-8231. A sede é em Campinas.

*COMO devem perceber tenho publicado apenas uma coluna por semana. Como clubes só agora voltam das férias, informações estão raras e para não cansar a cabeça dos leitores, resolvi escrever só uma vez em cada semana. Mas o futebol profissional estará voltando em curto espaço de tempo. A partir daí você terá a coluna duas vezes por semana. E até mais, se necessário. Nesse ano tem muita competição. Paulista, Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores. Não vai faltar assunto, Estaremos sempre ligados. E pedimos que continuem conosco.

*TENHO muitos anos de janela. Muitas histórias prá contar. Coisas curiosas, interessantes. Há até amigos que me incentivam a escrever um livro. Mas não sei se farei isso. O mais provável é que ainda nesse primeiro semestre de 2017 eu crie um tópico aqui na coluna onde contarei semanalmente uma dessas histórias do futebol. Me tendo como personagem ou tendo outros personagens conhecidos por todos. Será um "plus" na Toque de Bola, uma coluna que nasceu na empresa Diário Popular e hoje é exclusiva do site FUTEBOL INTERIOR.

SÉRGIO CARVALHO
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol Interi
Veja perfil completo
Veja todos