Paulista
A1
A2
A3

Onde Anda: Ameli, o argentino que passou pelo São Paulo


Publicado na quinta-feira,
9 de abril de 2009

Campinas, SP, 09 (AFI) - Contratado para ser o xerife da defesa do São Paulo em 2002, o zagueiro Horacio Andrés Ameli não se firmou no Morumbi. Visto como um dos estrangeiros que mais decepcionou em solo brasileiro, o defensor atualmente tem 34 anos e está sem clube.

Confira:
Onde Anda: Kerlon Foquinha, grande promessa do Cruzeiro

Zagueiro considerado baixo para os tempos modernos (apenas 1,80m), Ameli começou sua carreira no Central Córdoba, da Argentina, em 93. Mas, curiosamente, sequer disputou uma partida oficial pelo time argentino, que disputa a segunda divisão do campeonato nacional.

Um ano depois, Ameli transferiu-se para o Colón, e ajudou a equipe a conquistar o acesso à primeira divisão. Por lá, ganhou respeito e chamou a atenção do Rayo Vallecano-ESP, time que defendeu entre 96 e 98 e jogou 59 partidas, marcando dois gols.

Volta à Argentina!
Ameli deixou o futebol espanhol para retornar ao seu país logo após a Copa do Mundo de 98, na França. Seu novo clube foi o San Lorenzo-ARG, onde conquistou sua maior seqüência de partidas e temporadas jogadas. Ficou na equipe até o meio de 2002, e participou da equipe campeã da Copa Mercosul (2001) e do Clausura (2001).

Aventura brasileira!
Após se destacar no San Lorenzo, Ameli ganhou a chance de se aventurar no futebol brasileiro. Foi sondado pelo Internacional, mas acabou mesmo no São Paulo. O presidente Marcelo Portugal Gouvea tinha a certeza de ter contratado a solução para os problemas defensivos.

Mas, em meio à ofensividade do Tricolor, Ameli caiu drasticamente de produção. Recebeu muitos cartões amarelos e foi expulso diversas vezes. No Morumbi, formou dupla de zaga com Jean e não durou mais do que seis meses.

Recomeço!
Sem destaque no Brasil, Ameli voltou à Argentina para defender o River Plate. Ficou de 2003 até 2004, e conquistou dois torneios Clausura. Defendeu o América-MEX por uma temporada e voltou ao River em 2005. Seu último clube foi o Colón, em 2006, por onde jogou somente cinco partidas.

 
Agência Futebol Interior
 
Compartilhe


 Veja Mais 
Listar todas
Quem Somos
|
Fale Conosco
|
Expediente
|
Anuncie no FI
|
Política de Privacidade e Uso
|
Anunciantes
© Copyright 1999-20102 Futebol Interior - Todos os direitos reservados