Paulista
A1
A2
A3

Onde Anda: França, artilheiro do São Paulo por seis anos


Publicado na quinta-feira,
19 de março de 2009

Campinas, SP, 19 (AFI) – A seção Onde Anda, do Portal Futebol Interior, entra em campo com um artilheiro nato e que deixou saudades nos torcedores do São Paulo. Trata-se de Françoaldo Sena de Souza ou, simplesmente, França (foto), atacante, de 33 anos, e que atuou pelo Tricolor por seis anos.

Veja também:
Tá certo! Pelé e apresentador global descem a lenha no BBB!

Natural de Codó, no Maranhão, o jogador nasceu no dia 03 de fevereiro de 1976. Atualmente, o jogador defende as cores do clube japonês Kashiwa Reysol. França está no clube do Japão desde 2005, portanto, entrou na quinta temporada defendendo o amarelo do time oriental.

Mas até chegar à Terra do Sol Nascente, França teve que ralar muito, tendo em vista que os primeiros chutes no futebol aconteceram no Nacional do Amazonas, em 1993. Depois disso, o atacante desembarcou no XV de Jaú, quando ficou por um ano antes de chegar ao São Paulo, em 1995.

No Tricolor o jogador se destacou e chegou ate mesmo vestir a camisa da Seleção Brasileira. Em 1996, mesmo na reserva de Muller e Almir, no Paulistão, França marcou oito gols, um foi um golaço de bicicleta, contra o Rio Branco no Pacaembu. Ele brilhou no Tricolor Paulista, fazendo muitos gols. Em 323 partidas pelo São Paulo, França fez 182 gols, marca que o registrou como o quarto maior artilheiro da história do clube e a 11ª melhor média de gols do clube (0,5 gol por jogo).

O atacante conquistou por duas vezes o Paulistão, em 1998 e 2000 - com França artilheiro em ambas competições, com 12 e 18 gols, respectivamente - e um Torneio Rio-São Paulo, onde França foi novamente artilheiro, com seis gols.

Em um amistoso entre Brasil e Inglaterra em maio de 2000, França fez o gol brasileiro no empate, por 1 a 1, em Wembley.

Em 2002, França seguiu no São Paulo, marcando muitos gols, sendo mais uma vez artilheiro do Rio-São Paulo, com 19 gols. No entanto, em uma partida contra o Corinthians pela semifinal da Copa do Brasil, França sofreu uma grave lesão, que fez com que ele acabasse não sendo convocado para a Copa do Mundo de 2002 do Japão.

Depois de tratamento intensivo, ele assinou contrato com o Bayer Leverkusen, da Alemanha. O valor da transferência para o clube Alemão foi 12 milhões de dólares.

Pelo clube alemão, França não repetiu as atuações e chegou a ficar na reserva. Foram 71 jogos e apenas 21 gols no total. Em agosto de 2005, o atacante se transferiu para o Kashiwa Reysol, do Japão, onde permanece até os tempos atuais.

 
Agência Futebol Interior
 
Compartilhe


 Veja Mais 
Listar todas
Quem Somos
|
Fale Conosco
|
Expediente
|
Anuncie no FI
|
Política de Privacidade e Uso
|
Anunciantes
© Copyright 1999-20102 Futebol Interior - Todos os direitos reservados