Fórmula 1: Lewis Hamilton comemora pole e exalta desempenho do carro em Abu Dabi

Atualmente, o britãnico está a 12 pontos de distância do líder Nico Rosberg

por Agência Estado

São Paulo, SP, 26 - O inglês Lewis Hamilton fez a sua parte neste sábado e conquistou a pole position no GP de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, na última corrida da temporada da Fórmula 1. Na entrevista coletiva, o piloto da Mercedes comemorou o resultado e agradeceu ao trabalho da equipe. Ele ainda lembrou que a primeira colocação no grid o deixou mais próximo do recorde de seu ídolo Ayrton Senna. Hamilton agora tem 61 poles na carreira, quatro a menos do que o tricampeão brasileiro.

"O final de semana tem sido incrível. É difícil terminar todas as sessões no topo. Estou muito, muito feliz com isso. Preciso agradecer ao trabalho duro dos mecânicos e engenheiros que deixaram o carro do jeito que eu precisava. Me sinto muito feliz nesta noite. É um sonho para qualquer piloto ter um carro tão bom para dirigir", comentou.

Hamilton também falou sobre as chances de ser campeão. Atualmente, ele está a 12 pontos de distância do líder Nico Rosberg. Para terminar a temporada com o troféu, o inglês precisa vencer o GP de Abu Dabi e torcer para seu companheiro de equipe ficar fora do pódio.

"Vim para cá sabendo que conquistar a pole era uma grande parte do que precisava para o final de semana. Consegui isso e agora posso focar na corrida. Tenho que pensar na melhor estratégia para me manter na liderança. Uma boa largada é fundamental. Com os que estão atrás, não tenho como controlar. Então só posso esperar que meu carro continue tão bom quanto tem sido até agora e assim espero vencer", finalizou.

Apesar de estar em posição confortável para alcançar o inédito título da carreira, Nico Rosberg lamentou a segunda colocação no grid de largada. "Vim aqui para conquistar a pole. Por isso não estou muito contente hoje (sábado)", comentou.

Ele também reconheceu a grande performance do companheiro de equipe e falou sobre a vantagem que carrega para terminar a temporada em primeiro lugar. "O Lewis fez excelente trabalho e foi um pouco mais rápido. Mas continuo em boa posição para conseguir vencer a corrida e quero terminar o ano no alto", analisou.

Sobre a corrida, o piloto alemão disse que o circuito possibilitará algumas oportunidades de ultrapassagem e que espera uma corrida emocionante. "Estou orgulhoso e feliz como essa temporada tem sido até agora. Agora vou relaxar e voltar amanhã (domingo) para dar o melhor", finalizou.