Completando 600 jogos no Sport, Magrão convoca torcida para encher a Ilha do Retiro

"É uma marca que vai ficar na história para mim e sem dúvida nenhuma seria muito importante selar essa celebração com uma vitória"

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 22 (AFI) - Quis o destino que Magrão comemorasse o 600º jogo com a camisa rubro-negra na sua casa, a Ilha do Retiro, diante do torcedor leonino. E é nessa "festa" que o goleiro vem focando nos últimos dias. O ídolo quer a vitória sobre o Santos, no próximo sábado, para poder festejar a grande marca junto com a torcida do Sport.

Há 11 anos no Clube, o eterno camisa 1 segue colhendo os frutos de uma carreira brilhante. E está prestes a adicionar mais um feito na sua coleção: será o jogador com mais partidas por um clube nordestino na história.

Na 14ª posição na tabela do Campeonato Brasileiro, os rubro-negros precisam vencer o time paulista para se distanciar da zona de rebaixamento. Para isso, o apoio do torcedor será fundamental.

"É uma marca que vai ficar na história para mim e sem dúvida nenhuma seria muito importante selar essa celebração com uma grande vitória, que vai fazer o Sport subir de posição", destacou o Paredão.

'É uma marca que vai ficar na história para mim', comenta Magrão sobre 600º jogo com a camisa do Sport - Foto: Williams Aguiar/Sport Club Recife
'É uma marca que vai ficar na história para mim', comenta Magrão sobre 600º jogo com a camisa do Sport
DIA ESPECIAL
Magrão comentou ainda sobre o privilégio de completar esta marca na Ilha.

"Para mim será especial e para o clube também. Então não tem nada melhor do que o torcedor comparecer e nos ajudar a conquistar uma vitória diante do Santos. Será uma partida difícil e o torcedor terá um papel muito importante. Por isso eu peço que o torcedor possa comparecer à Ilha. Pois o torcedor fez parte dessa trajetória. Não foi o Magrão sozinho", afirmou.

Ainda sobre a importância do torcedor comparecer em um bom número na Ilha, o arqueiro confirmou a tese de que torcida também "ganha jogos". "Eu já vivi vários jogos aqui onde as vitórias vieram através da força do torcedor. Eu sei que o torcedor no momento não está tão feliz, mas a gente convida e pede para que venha e nos ajude. Porque a torcida do nosso lado nos ajuda muito".