Jogadores lamentam situação do São Paulo após mais uma rodada

O elenco não consegue entender por quais motivos as vitórias não chegam

por Agência Estado

São Paulo, SP, 20 - O fim de ano melancólico tem incomodado os jogadores do São Paulo. O time perdeu mais uma vez no Campeonato Brasileiro, desta vez para a Chapecoense por 2 a 0, e não consegue engrenar na competição. Os próprios jogadores não conseguem entender por quais motivos as vitórias não chegam.

O volante João Schimidt não encontrou palavras para justificar a derrota do São Paulo
O volante João Schimidt não encontrou palavras para justificar a derrota do São Paulo
"A gente não vem aproveitando as chances, estamos falhando, mas no fundo tínhamos de nos acostumar com vitórias. A gente tem que dar o máximo, independentemente da situação. Temos de lutar para colocar o São Paulo onde ele merece", afirmou o volante João Schmidt.

Com a derrota, sua 14ª no Brasileirão, o São Paulo está na 13ª posição, com 46 pontos, sem chance de chegar ao G-6 e com chances remotas de ser rebaixado. Na próxima partida, domingo, contra o Atlético-MG, fora de casa, João Schmidt não poderá jogar, pois terá de cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo.

Durante a semana, o zagueiro Rodrigo Caio criticou bastante seus companheiros e apontou a "falta de comprometimento" no clube. Para Maicon, seu companheiro de zaga, ele não está errado nas afirmações. Mesmo assim, o defensor não quer a equipe pensando já na próxima temporada. "Temos mais dois jogos pela frente", resumiu.