Santos fecha acordo com a Caixa, mas contrato de R$ 200 mil é cancelado

O Peixe está sem patrocinador master há quase três anos. O clube deve receber R$ 2 milhões da Caixa até o fim do ano.

por Agência Estado

Santos, SP - Enquanto ainda negocia os últimos detalhes do contrato de patrocínio com a Caixa Econômica Federal, o Santos deixou de receber R$ 200 mil do banco como parte das comemorações dos 100 anos da Vila Belmiro. O acordo chegou a ser fechado e publicado no Diário Oficial da União na sexta-feira passada, mas acabou cancelado.

Segundo a diretoria do Santos, o edital precisou ser cancelado "em razão da falta de tempo hábil para efetivação do contrato específico nos prazos exigíveis". A Caixa não respondeu aos questionamentos da reportagem de O Estado de S.Paulo.

O aporte de R$ 200 mil seria feito pela Caixa especificamente como patrocínio ao projeto "Taça Vila 100 Anos". No sábado, o Santos disputou um amistoso com o Benfica em comemoração ao aniversário do estádio e foram entregues duas taças, ambas com o logotipo do banco entre os distintivos de Santos e Benfica.

Santos fechou uma parceria com a Caixa
Santos fechou uma parceria com a Caixa
Paralelamente a esse acordo, na semana passada o Santos assinou um termo de uso de marca com a Caixa, que permite que o logotipo do banco esteja nas camisas do clube nos próximos jogos. A negociação para patrocínio efetivo, no entanto, continua em andamento.

O Santos está sem patrocinador master há quase três anos. O clube deve receber R$ 2 milhões da Caixa até o fim do ano. Para 2017, a expectativa é que o contrato seja de R$ 15 milhões pela temporada toda.

A Caixa é a maior patrocinadora do futebol brasileiro. O banco tem contratos de patrocínio master com 17 clubes, totalizando R$ 128,5 milhões investidos em 2016. Com Santos e Botafogo, no entanto, a Caixa possui até agora apenas termos de uso de marca.