Espanhol: Zidane confirma volta de brasileiro e aconselha James a não deixar o Real

Após ter desfalcado também a Seleção Brasileira, volante Casemiro vai enfrentar o Sporting Gijón neste sábado

por Agência Estado

Campinas, SP, 25 - O técnico Zinedine Zidane confirmou nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, que o brasileiro Casemiro voltará a defender o Real Madrid no jogo deste sábado, contra o Sporting Gijón, em casa, pela 13ª rodada do Campeonato Espanhol. O volante está fora do time desde 18 de setembro, quando sofreu uma lesão na perna esquerda em duelo contra sobre o Espanyol, quando levou a pior ao sofrer uma dura entrada.

Por causa do problema, Casemiro também se tornou desfalque do Brasil nos últimos confrontos das Eliminatórias da Copa de 2018. Porém, ele voltou a treinar normalmente nesta semana e agora reforça a equipe que tentará abrir ainda mais vantagem na liderança do Espanhol - hoje tem quatro pontos a mais que o vice-líder Barcelona, que joga no domingo contra a Real Sociedad, fora de casa.

OUTRO RETORNO
Além de Casemiro, Zidane também confirmou o retorno do zagueiro Pepe, outro que se recuperou de lesão. O brasileiro naturalizado português teve um problema na coxa esquerda no final do mês passado e agora está novamente à disposição.

Zidane confirma retorno de Casemiro contra o Sporting Gijón
Zidane confirma retorno de Casemiro contra o Sporting Gijón
"Casemiro e Pepe estão na lista (de relacionados para o jogo). Estão bem e recuperados", afirmou Zidane, que ao falar das opções de seu time para o confronto deste sábado também aconselhou James Rodríguez a seguir no clube no próximo ano ao ser questionado sobre o futuro do meia colombiano, cuja saída do Real vem sendo cogitada para a próxima janela de transferências do futebol europeu, em janeiro.

"Todos estão prontos para jogar, incluindo James. Se fosse James, não deixaria o Real Madrid, ficaria neste grande clube", afirmou o treinador francês, qualificando como normal o fato de o meio-campista estar insatisfeito por hoje não ter espaço na equipe titular do estrelado time do Real.

"Não é verdade que não terá minutos (para atuar), que não jogará nunca. Ele irá jogar. Um jogador de sua categoria quer jogar mais, é normal, mas ele vai ser importante para nós", aposta Zidane, que ainda confirmou que o português Coentrao, lesionado, está fora do confronto deste sábado.