Reapresentação da Ponte tem manifestação da torcida e dois novos reforços

O meia Fábio Braga e o atacante Lins foram contratados pela diretoria, sendo que o primeiro vem por um período de experiência

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - A reapresentação do elenco pontepretano agitou o Moisés Lucarelli na tarde desta segunda-feira. Alguns torcedores compareceram ao estádio para manifestarem apoio e também reclamar dos poucos reforços anunciados até o momento, principalmente depois das saídas de peças importantes. Por outro lado, a Macaca acertou as chegadas do meia Fábio Braga e do atacante Lins.

Membros da Torcida Jovem - principal organizada do clube - estiveram em frente ao Majestoso e conversaram com o técnico Felipe Moreira e o auxiliar João Brigatti. Eles prometeram apoiar os jogadores, mas também avisaram que vão cobrar a diretoria caso os resultados não aconteçam no Paulistão.

"Não posso falar que não incomoda, pois incomoda, mas é fazer nosso trabalho de forma honesta e transparente. Errar e acertar faz parte do protesto. A diretoria já deu prova que é competente e não tem como questionar esse trabalho. Pode ser que seja questão política, direcionada... Enfim, dormimos com a consciência tranquila", disse o diretor de futebol Gustavo Bueno.

O atacante Lins teve sua contratação confirmada pela Ponte Preta - Luiz Henrique/Figueirense FC
O atacante Lins teve sua contratação confirmada pela Ponte Preta
Chateado com os protestos logo na reapresentação dos jogadores, o dirigente alvinegro pediu o apoio da torcida durante os jogos do Paulistão e disse que, caso a Macaca não corresponda dentro de campo, ela tem todo o direito de cobrar.

"A Ponte não é duas. Uma da diretoria e outra da torcida. A Ponte é uma só. A torcida da Ponte é forte e faz a diferença. Quem está reclamando, que venha ao Majestoso para apoiar, sem reclamar de preço, chuva. Se não der certo em campo, aí pode cobrar", comentou Bueno.

REFORÇOS!
Duas caras novas chamaram a atenção na reapresentação do elenco. Uma delas já é conhecida dos torcedores pontepretanos. O experiente atacante Lins teve sua contratação confirmada pelo presidente Vanderlei Pereira em entrevista coletiva. Ele defendeu a Macaca em 2009 quando disputou 27 jogos e marcou sete gols.

O atacante de 29 anos foi revelado nas categorias de base do Camaçariense e acumula passagens ainda por Mogi Mirim, São Caetano, Paulista de Jundiaí, Guaratinguetá, Mirassol, Criciúma, Grêmio, ABC, Itumbiara, Gamba Osaka-JAP e por último o Figueirense, fazendo parte do elenco que foi rebaixado para a Série B do Brasileiro.

Outro reforço é Fábio Braga, filho do treinador Abel Braga e que defendeu o Coritiba na última temporada, tendo disputado apenas cinco jogos. O meia revelado na base do Fluminense, onde teve poucas oportunidades, tem 24 anos e acumula passagens por América-RN e CSMS Iasi-ROM.

Fábio Braga, porém, chega com um contrato de apenas três meses e o vínculo só será ampliado se ele agradar a comissão técnica durante o período que vai estar no Moisés Lucarelli.