Ponte Preta cede e Corinthians praticamente se acerta com Pottker

Jogador disputará o Paulistão pela Macaca e depois seguirá ao Corinthians para o Brasileirão

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 12 (AFI) – William Pottker (foto abaixo) vestirá a camisa da Ponte Preta no Campeonato Paulista. A diretoria pontepretana ‘bateu o pé’ e conseguiu segurar o jogador para o Estadual. Porém, uma nova reunião nesta semana praticamente selou a ida do jogador ao Corinthians para a disputa do Campeonato Brasileiro.

De tanto insistir, o time campineiro teria aceitado receber R$ 6,7 milhões do Corinthians por 50% dos direitos econômicos do jogador. Metade do valor que a diretoria pontepretana vinha pedindo para que Pottker fosse liberado já para o Campeonato Estadual. A multa rescisória é de R$ 13,4 milhões.

A Ponte Preta cedeu ao ver jogador e seu empresário, Fernando Garcia, seduzidos com a transferência para um ‘grande’ da capital paulista. Nem mesmo o interesse do futebol chinês tirou do atacante o sonho de defender o Todo Poderoso Timão. Embora o acordo já esteja verbalmente acertado, os clubes não se pronunciarão.

O atacante tem contrato com a Ponte até o fim de 2019 e será um dos principais nomes do clube para o Paulistão. A ida ao Corinthians é assunto proibido nos corredores do estádio Moisés Lucarelli, já que a torcida, impaciente, pode pressionar o jogador e usar tal situação para aumentar ainda mais as críticas á atual administração.

William Pottker foi artilheiro do Brasileirão 2016 com 14 gols – ao lado de Fred (Atlético-MG) e Diego Souza (Sport). Ele tem 23 anos e foi revelado na base do Figueirense. Também atuou por Red Bull Brasil, Linense e Braga, de Portugal, até fazer sucesso com a Macaca de Campinas.

Com Pottker assegurado, a Ponte vive a expectativa de chegar num acordo com Luís Fabiano para 2017. O jogador está na China para tentar rescindir com o Tianjun Quanjian.

A Ponte Preta estreia no Paulistão no início de fevereiro, contra a Ferroviária, em Campinas.