William Pottker pode pegar até 12 jogos de suspensão e desfalcar Ponte na reta final

O jogador vai ser julgado na quinta-feira por ter agredido um adversário no jogo contra o Atlético-PR

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) - A Ponte Preta pode sofrer uma baixa importante na reta final do Campeonato Brasileiro. Denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o atacante William Pottker será julgado nesta quinta-feira e pode pegar até 12 jogos de suspensão por ter agredido Luan, do Atlético-PR, em partida válida pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro - vitória rubronegra por 3 a 0, em Curitiba.

William Pottker entrou aos dez do segundo tempo e foi expulso três minutos depois ao acertar o rosto de Luan com tapa quando a Ponte Preta se preparava para cobrar um escanteio. A súmula do árbitro pernambucano Nielson Nogueira Dias diz que "aos 13 minutos do segundo tempo, expulsei de maneira direta, o sr. willian de oliveira Pottker, número 19, da equipe da ponte preta, por atingir com um tapa no rosto com força considerável. no seu adversário de número 09, sr. luan michel souza".

Vice-artilheiro do Brasileirão, com dez gols, William Pottker pode desfalcar a Ponte nas últimas rodadas
Vice-artilheiro do Brasileirão, com dez gols, William Pottker pode desfalcar a Ponte nas últimas rodadas
O atacante pontepretano será julgado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) por "praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente" e a pena é "suspensão de quatro a doze partidas". O departamento jurídico da Macaca vai usar o histórico de Pottker para evitar que ele receba uma suspensão pesada, mas é praticamente certo que ele desfalcará o time campineiro em alguns jogos.

Mesmo que seja punido, William Pottker fica à disposição de Eduardo Baptista para o jogo desta quinta-feira, contra o Vitória, no Estádio Moisés Lucarelli, pela 31ª rodada do Brasileirão. Isso porque a suspensão vale apenas a partir da publicação, que acontece na sexta.

Contratado depois de ter feito um bom Paulistão pelo Linense, William Pottker nunca conseguiu se firmar entre os titulares, mesmo sendo o vice-artilheiro do Brasileirão com dez gols marcados - empatado com Fred (Atlético-MG), Sassá (Botafogo), Vitor Bueno (Santos) e Diego Souza (Sport), e atrás apenas de Robinho (Atlético-MG) e Gabriel Jesus (Palmeiras), ambos com 11.