Folclórico zagueiro Júnior Baiano pode ser novo técnico do Independente-PA

O ex-jogador foi procurado pelo presidente do clube, que aguarda uma resposta para montar a equipe para 2017

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 30 (AFI) – Zagueiro folclórico que marcou época nos anos 90, Júnior Baiano pode retomar a carreira de treinador. O ex-jogador foi procurado pelo presidente do Independente de Tucuruí, Deley Santos, para defender o clube no próximo Campeonato Paraense.

Júnior Baiano chegou a atuar como treinador em 2012, quando comandou o Santa Heleno-GO na divisão de acesso do Campeonato Goiano. Em 16 jogos, o treinador levou o clube à semifinal da competição com oito vitórias, dois empates e seis derrotas, mas não permaneceu para a disputa da segunda fase porque se desentendeu com a diretoria do clube.

Desde então, Júnior Baiano não trabalhou mais como treinador, mas foi procurado pelo Independente e o presidente Deley Santos espera a resposta do ex-zagueiro, que seria responsável também por trazer um pacote de reforços para a equipe paraense.

Como jogador, Junior Baiano marcou época se destacou como um zagueiro sério e viril. Revelado pelo Flamengo ao lado de grandes jogadores como Marcelinho Carioca, Paulo Nunes e Djalminha, o defensor jogou ainda por São Paulo, Palmeiras, Vasco, Internacional entre outros clubes.

Presença constante na Seleção Brasileira no final dos anos 90, o jogador ainda foi campeão da Copa das Confederações de 1997 e disputou a Copa do Mundo de 1998 como titular do time montado por Zagalo ao lado Aldair, participando de todos os sete jogos na campanha do vice-campeonato do Brasil.