De volta após cinco jogos, Allione comemora vantagem do Palmeiras na liderança

O meia argentino também mira vaga na equipe no duelo com o Grêmio pela Copa do Brasil

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 17 (AFI) - No último domingo, o Allione entrou no segundo tempo e ajudou o Palmeiras a vencer o Figueirense, por 2 a 1, em Santa Catarina, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, o que aumentou para quatro pontos a vantagem do líder em relação ao Flamengo, segundo colocado. A atuação do jogador interrompeu uma séria de cinco partidas sem entrar em campo e, agora, o argentino busca uma sequência para engrenar no final da temporada.

“A vitória foi muito importante porque conseguimos abrir uma boa vantagem sobre o Flamengo, segundo colocado, mas ainda faltam muitas rodadas e não tem nada definido. Fiquei feliz por voltar a jogar e ajudar meus companheiros. Comecei bem o ano, mas sofri com alguns problemas de lesão e perdi espaço. Em um clube grande como o Palmeiras é assim, o elenco é bem qualificado e todos os jogadores têm condições de ser titular. Respeito todos os meus companheiros, mas meu objetivo é treinar forte para brigar por uma vaga na equipe e conseguir uma sequência”, afirmou o meia.

Agustín Allione chegou ao Palmeiras em 2014, junto com os compatriotas Fernando Tobio, Jonathan Cristaldo e Pablo Mouche. Após dois anos, apenas o meia continua no clube e segue brigando por uma vaga na equipe titular.

Allione entrou no segundo tempo da vitória sobre o Figueirense e quer brigar por um lugar no time
Allione entrou no segundo tempo da vitória sobre o Figueirense e quer brigar por um lugar no time
Após mais uma vitória no Brasileiro, o Palmeiras volta as atenções para a Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o Verdão recebe o Grêmio, no Allianz Parque, pelo duelo de volta das quartas de final da competição. No jogo de ida, em Porto Alegre, o time perdeu de 2 a 1 e precisa derrotar os gaúchos para garantir uma vaga na semifinal do torneio. Para Allione, a partida é outra oportunidade para demonstrar que pode ser mais utilizado pelo treinador Cuca.

“O jogo desta quarta é decisivo e iremos em busca da classificação. O Grêmio tem um elenco muito forte, conta com jogadores de várias seleções, mas o Palmeiras é o atual campeão e queremos conquistar o bicampeonato. O Cuca tem dois dias para trabalhar e definir a melhor escalação. Me sinto bem e estou preparado para jogar. Se for escalado, será uma ótima oportunidade para mostrar que posso ajudar o Palmeiras nesse momento tão importante”, disse o argentino.

Allione também aproveitou para convocar a torcida alviverde a lotar o estádio. “A Copa do Brasil é uma competição diferente, muito boa de jogar. Os confrontos são mata-mata e a força da nossa torcida é fundamental. Espero que os torcedores lotem o estádio e nos apoiem do começo ao fim, como sempre fazem. Precisamos reverter a vantagem do Grêmio e contamos com o apoio deles”, finalizou.

O confronto entre Palmeiras e Grêmio será realizado na próxima quarta-feira, às 21h45, no Allianz Parque. Como perdeu por 2 a 1 e marcou um gol fora de casa, o Verdão garante uma vaga à semifinal com uma vitória de 1 a 0. Caso sofra gol, no entanto, o clube precisará superar o adversário por dois ou mais gols de diferença. O mesmo placar do jogo de ida a favor dos paulistas levará a disputa para os pênaltis. Qualquer empate ou vitória do Tricolor gaúcho classificará o clube de Porto Alegre.

Somente nesta temporada, Allione jogou 22 partidas, marcou cinco gols e deu duas assistências. Desde que chegou ao Palmeiras, o meia entrou em campo 68 vezes, marcou sete gols e deu nove assistências.