Vôlei de Praia: Ágatha e Duda apresentam dupla com foco na Olimpíada de 2020

Nos últimos meses, de modo provisório, Ágatha vinha atuando com Carol Solberg como parceira

por Agência Estado

Campinas, SP, 04 - Medalhista de prata nos Jogos Olímpicos do Rio, Ágatha oficializou nesta quarta-feira Duda como sua nova parceira para o próximo ciclo olímpico. Além disso, durante evento no Rio, aproveitou para apresentar os seus planos visando a participação nos Jogos de Tóquio, em 2020.

A formação de uma dupla por Ágatha, de 33 anos, e Duda, de apenas 18 anos, não era nenhum segredo desde que a mais experiente da nova parceria decidiu encerrar a equipe com Bárbara Seixas, com quem conquistou a medalha de prata na Olimpíada do Rio. Mas só agora a dupla foi de fato formalizada e apresentada para imprensa.

Nos últimos meses, de modo provisório, Ágatha vinha atuando com Carol Solberg como parceira. Agora, porém, a partir das primeiras competições de 2017, a sua dupla passa a ser composta pela promissora Duda, com quem espera se classificar para os Jogos de Tóquio e lutar por uma nova medalha olímpica.

Duda se mudou de Aracaju para o Rio com a intenção de formar a dupla com Ágatha. E elas irão treinar no Rio, utilizando a estrutura do Marina Barra Clube. As jogadoras vão ser treinadas por Letícia Pessoa, grande nome do vôlei de praia brasileiro, já tendo comandado atletas como Adriana Behar, Shelda, Alison e Emanuel.

"Apesar desse foco em Tóquio-2020, a gente sabe que vai ser devagar. Temos que focar no time. No início do ano já tem etapa do Circuito Brasileiro e depois do Circuito Mundial", afirmou Ágatha.

A estreia da dupla Ágatha/Duda ocorrerá no fim de janeiro, a partir de 27 de janeiro, quando será realizada a etapa de João Pessoa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia.