UFC: Direção cumpre promessa, tira cinturão de McGregor e o devolve a José Aldo

Pelo regulamento, um lutador só pode ser detentor de um título por vez a ação foi tomada devido ao irlandês ter mudado de categoria

por Agência Estado

Campinas, SP, 27 - José Aldo é novamente o dono do cinturão da categoria peso-leve do UFC. O posto de campeão linear foi entregue a ele pela organização na noite sábado, uma vez que o então detentor do posto, o irlandês Conor McGregor, deixou vago seu cinturão peso-pena e optou por manter o título da categoria até 70 kg, conquistado após derrotar Eddie Alvarez no UFC 205, no último dia 12.

Pelo que define o UFC, cada lutador pode ser detentor de apenas um cinturão por vez. Ao optar por subir de categoria, McGregor abriu mão do posto de melhor entre os pesos-leve.

UFC devolve cinturão ao brasileiro José Aldo
UFC devolve cinturão ao brasileiro José Aldo
O cinturão fica com José Aldo porque ele já era o campeão interino da categoria, posto criado para manter a competitividade mesmo quando o dono do cinturão está afastado - seja por lesão ou outras questões. Aldo foi o campeão da categoria por mais de cinco anos.

Pelo que definiu o UFC, Max Holloway e Anthony Pettis vão lutar pelo cinturão interno no UFC 206, em 10 de dezembro. Depois, quem vencer deste duelo vai lutar contra Aldo em 2017 para unificar os títulos.

Essa luta substituirá a disputa de cinturão dos meio-pesados entre Daniel Cormier e Anthony "Rumble" Johnson, que foi retirada do card após Cormier ter que se retirar do duelo na última sexta por conta de uma lesão.