Tênis: Nadal decepciona e perde de Troicki em estreia no Masters de Xangai

O tenista espanhol foi derrotado por 2 sets a 0 para o sérvio Viktor Troicki

por Agência Estado

São Paulo, SP, 12 - Depois de brilhar nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Rafael Nadal acumulou nesta quarta-feira mais uma decepção nesta reta final da temporada do tênis masculino. O espanhol foi eliminado logo na estreia do Masters 1000 de Xangai, pelo sérvio Viktor Troicki, 31º do ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/3).

Desde os Jogos do Rio-2016, Nadal só alcançou às quartas de final de um torneio em Pequim, ainda que só precisasse vencer dois jogos para chegar até esta fase. Antes disso, caiu nas oitavas de final no US Open e no Masters de Cincinnati, competições tradicionais que já venceu.

Em Pequim, na semana passada, o ex-número 1 do mundo foi derrotado pelo búlgaro Grigor Dimitrov, que faz temporada discreta. E, desta vez, caiu diante de um rival ainda menos destacado na temporada. Troicki nunca havia vencido o espanhol no circuito. Até então, Nadal exibia 5 a 0 no retrospecto direto.

Nadal decepciona e perde de Troicki em estreia no Masters de Xangai
Nadal decepciona e perde de Troicki em estreia no Masters de Xangai

Nesta quarta, porém, o tenista da Sérvia mostrou força no saque e dominou o rival espanhol. Foram 11 aces, contra apenas um de Nadal em toda a partida, e aproveitamento de 91% dos pontos quando jogou com o primeiro serviço. Troicki foi tão bem no fundamento que não teve o saque ameaçado por Nadal em nenhum momento da partida. O espanhol, por sua vez, sofreu três quebras.

Com a queda precoce em Xangai, Nadal deve perder mais uma posição no ranking. Após cair de quarto para quinto, ele deve aparecer em sexto lugar na lista da ATP. Assim, segue em busca dos pontos necessários para garantir sua classificação ao ATP Finals, torneio que reúne os oito melhores tenistas da temporada, em novembro. No momento, o espanhol é o sétimo colocado da lista, mas pode perder posições ao fim da competição em Xangai.

Troicki, por sua vez, já pensa no confronto das oitavas de final na quadra dura chinesa. Ele vai enfrentar na sequência o vencedor do duelo entre o norte-americano Taylor Fritz e o espanhol Roberto Bautista Agut.

Enquanto Nadal se despedida precocemente da competição, outros favoritos avançavam com certa facilidade em Xangai. Campeão do US Open, o suíço Stanislas Wawrinka venceu em sets diretos o britânico Kyle Edmund, com parciais de 6/3 e 6/4. E o canadense Milos Raonic, vice-campeão de Wimbledon, bateu o italiano Paolo Lorenzi por 6/2 e 6/4.

Atual número 3 do mundo, Wawrinka vai enfrentar nas oitavas de final o francês Gilles Simon, que avançou na chave ao derrotar o local Wu Di por duplo 6/2. Raonic, sexto colocado do ranking, duelará com o norte-americano Jack Sock, responsável por eliminar o espanhol Feliciano López por 6/3, 4/6 e 6/4.

Já o checo Tomas Berdych, 9º do mundo, foi batido logo na estreia pelo espanhol Marcel Granollers por 7/6 (7/4) e 7/6 (7/1). O tenista da Espanha encara nas oitavas o alemão Mischa Zverev, que despachou o polêmico australiano Nick Kyrgios por 6/3 e 6/1.

Nesta quarta, o tenista voltou a se destacar negativamente no circuito. Ele protagonizou atuação displicente diante de Zverev e levou vaias da torcida, com quem chegou a discutir durante a partida. Kyrgios chegou a ser advertido pelo juiz de cadeira por ter sacado sem velocidade, facilitando a devolução do rival. Logo após sacar, antes mesmo do retorno do rival, o australiano já deixava a quadra, desistindo do ponto. Zverev fechou a partida em apenas 48 minutos.

Em outras partidas já finalizadas nesta quarta, o canadense Vasek Pospisil superou o búlgaro Grigor Dimitrov por 7/5 e 7/6 (7/2), e se credenciou para o confronto com o número 1 do mundo, o sérvio Novak Djokovic, nas oitavas de final. Também avançaram à esta fase o belga David Goffin e o francês Lucas Pouille.